Chicotadas psicológicas: Blizzard demite 800 funcionários

Recentemente, 800 funcionários da Blizzard se sentiram como os técnicos do Elifoot II, recebendo chicotadas psicológicas. Segundo consta, eles foram demitidos para agradar investidores.

13 de fevereiro de 2019

Recentemente, 800 funcionários da Blizzard se sentiram como os técnicos do Elifoot II, recebendo chicotadas psicológicas. Segundo consta, eles foram demitidos para agradar investidores.

Apesar da Blizzard e Activision terem faturado alto no último ano, suas ações estariam em baixa. Alegando que iriam priorizar o desenvolvimento de games, mandaram o papel timbrado para quase 8% da sua folha de pagamento.

Segundo o canal TheQuartering, onde vi esta notícia, isto seria mesmo para segurar o valor da empresa. O vídeo segue abaixo (em inglês):

De acordo com o Business Insider, as demissões vão afetar todas as partes da Activision-Blizzard, incluindo a publisher do Call of Duty, o criador da Candy Crush Saga e a própria Blizzard, responsável pelas principais franquias como World of Warcraft, Overwatch, StarCraft, Hearthstone e Diablo. A matéria também diz que “apesar de possuir um catálogo de títulos favoritos dos fãs, a Blizzard viu parte do a sua atenção roubada por novidades free-to-play como Fortnite e Apex Legends.” Inclusive, o Overwatch (um Quake Champions cheio de frescura), uma das novas e mais bem sucedidas franquias da Blizzard estourou em 2016, mas lentamente perdeu terreno para rivais com atualizações mais frequentes, incluindo o próprio Call of Duty ou Rainbow Six: Siege.

Sem sombra de dúvidas, é uma situação muito ruim para os empregados, mas, se a firma está perdendo mesmo mercado, é melhor repensar a estratégia logo antes de ser tarde demais. Focar no que traz retorno e cortar gastos com departamentos não lucrativos seria válido diante deste contexto.

Mas sei lá, também. Enquanto isso, é melhor aproveitar que o StarCraft 2 está gratuito desde 2017, como noticiamos em nosso canal (veja abaixo), e jogar um pouco. Vai que a Blizzard quebra e ficamos sem Battle.Net?

Últimas notícias

Observação: se você gostou deste post ou ele lhe foi útil de alguma forma, por favor considere apoiar financeiramente a Gaming Room. Fico feliz só de ajudar, mas a contribuição do visitante é muito importante para que este site continua existindo e para que eu possa continuar provendo este tipo de conteúdo e melhorar cada vez mais. Clique aqui e saiba como. Obrigado!

Deixe um comentário

Inscreva-se na nossa newsletter!