Defenestrando 64th Street: A Detective Story (1991)

Pra começar bem a domingueira, estamos trazendo aqui o gameplay de um jogo antigo, desta vez o do obscuro fighting game 64th Street: A Detective Story.

Newsletter:

Visão geral

Pra começar bem a domingueira, estamos trazendo aqui o gameplay de um jogo antigo, desta vez o do obscuro fighting game 64th Street: A Detective Story. O vídeo desta tentativa de clonar o Final Fight foi feito pelo canal Defenestrando Jogos e é a principal fontes de dados desta informação.

64th Street: A Detective Story é um beat ’em up desenvolvido pela C.P. Brain e lançado pela Jaleco para os fliperamas em março de 1991.

Descaradamente inspirado no clássico Final Fight e ambientado no final da década de 30 (com alguns eventuais elementos steampunk), este jogo de luta traz dois detetives particulares que tem que enfrentar uma enorme quantidade de inimigos para resgatar a filha de algum figurão.

Apesar do jogo ser bastante desconhecido, ele deu início a uma série chamada Rushing Beat, do Super Nintendo. Em 2011, o 64th Street: A Detective Story foi portado para Android e iOS.

Enredo

Durante a década de 30, Rick Anderson é um calmo e inteligente detetive particular profissional de 35 anos, enquanto Allen Tombs é um jovem de 19 anos temperamental e propenso à violência que foi retirado da delinquência e treinado por Rick. Juntos, Rick e Allen possuem uma agência de detetives na rua 64. Eles atendem qualquer um que tenha um caso que eles julguem que suas habilidades sejam necessárias.

No dia 3 de outubro de 1939, quando Rick e Allen estavam quase fechando o escritório, um homem de meia-idade aparece correndo e solicita a ajuda desses sagazes investigadores para uma missão difícil: Uma corporação maligna conhecida como organização Legacy, sequestrou a filha deste sujeito e deixou uma carta explicando por que a sequestraram.

No dia seguinte, Allen percebe um anúncio nos classificados com estrutura de sentença semelhante à letra deixada pelos sequestradores. Allen estava sem entender, até que Rick lhe disse para olhar com cautela para ambos, a letra e o anúncio. Eles logo perceberam que a escrita era realmente um código secreto, entendido apenas por certos chefes do crime. Então Rick e Allen partem em direção à base principal da organização Legacy para encontrar a verdade e salvar a filha sequestrada.

Esse é o arquivo número 238: o sequestro da filha de um homem rico!

Gameplay

Cada detetive particular usa diferentes estilos de luta e parecem ter níveis diferentes de velocidade, força, resistência etc. Muitos itens especiais podem ser encontrados jogando inimigos em segundo plano e quebrando coisas, o que é típico deste gênero popular dos fliperamas dos anos 90.

Ao longo do caminho, os protagonistas vão ser desafiados por todos os tipos de bandidos e canalhas, cujas roupas variam do hip-hop dos anos 80 a estereótipos piratas. Os chefes são mais fortes e possuem ataques especiais peculiares.

Curiosidades

  • 64th Street: A Detective Story é provavelmente o mais antigo dos poucos beat ’em ups que permitem que o jogador arremesse os inimigos para o fundo, proporcionando um aumento de dano e uma dose de destruição nos cenários. Outro jogo que permitiu este movimento em particular foi a adaptação do Super Nintendo do Batman Returns, feito pela Konami;
  • Os dois protagonistas deste game fazem uma aparição em outro jogo da Jaleco, Chimera Beast.

Dicas e trapaças para o 64th Street: A Detective Story

  • Danos enormes: Quando você pegar um inimigo, pressione o joystick pra cima seguido do botão de ataque para vai jogar o inimigo para o fundo da tela, retirando muito mais energia do que os danos que o arremesso lateral regular. Desta forma, é possível matar alguns inimigos com um único arremesso;
  • Muitos dos itens especiais podem ser encontrados por atirar inimigos para o fundo e, com isso, quebrar os cenários.

Mais Beat ’em up


Vídeo adicionado em: 13 de outubro de 2019

Categorias: Arcade, Luta, Vídeos

Tags: , , , ,

Autor/canal: Defenestrando Jogos

Acessado: 17 vezes.

Duração: 26:04

Deixe um comentário