Castle of the Damned

Castle of the Damned é uma recriação da E1M2 do Quake em um mapa para Doom II feita pelo Massimo Ciano que pode ser jogado single player, cooperativo ou deathmatch.

15 de maio de 2019

Castle of the Damned é uma recriação da E1M2 do Quake em um mapa para Doom II feita pelo Massimo Ciano que pode ser jogado nos modos single player, cooperativo e, embora o próprio autor não tenha testado, no deathmatch.

O Castle of the Damned foi lançado em 1996 e usa praticamente apenas recursos vanilla (que já vem no IWAD do Doom 2), exceto por uns sons do Quake que foram importados pelo criador da fase para complementar a ambientação da fase. Em termos de gameplay, é a mesma coisa também, sem modificar armas, monstros etc.

Eu gostei deste mapa. O sujeito conseguiu capturar e recriar o estilo da fase do Quake sem precisar de inventar muita moda nem usar coisa complicada. Fico imaginando se ele fez mais destes 🤔

Vídeo

Acima, temos o showcase feito por mim do Castle of the Damned no nosso esquema tradicional. O mapa foi jogado primeiro de modo “puro”, depois com o Zagemod.

A seguir, temos uma mistureba que fiz com o Castle of the Damned junto com o Quake Champions: Doom Edition, Hexen 2 Texture Disguise for Doom 2 and Texture Pack e o PSX Soundtrack Replacement.

Screenshots

Compatibilidade

O Castle of the Damned foi lançado numa época quando nem existiam ports avançados do Doom (o código não tinha sido aberto ainda), então decerto é compatível com o DOOM2.EXE original. Isto significa que o mapa também funciona em qualquer port avançado, lembrando que, de qualquer maneira, ele precisa do IWAD do Doom 2: Hell on Earth, da Phase 2 do Freedoom ou algum do Final Doom.

Mais informações e mapas para Doom

autor, site, canal ou publisher Massimo Ciano tamanho 225 KB licençaGrátis download link Download

Observação: se você gostou deste post ou ele lhe foi útil de alguma forma, por favor considere apoiar financeiramente a Gaming Room. Fico feliz só de ajudar, mas a contribuição do visitante é muito importante para que este site continua existindo e para que eu possa continuar provendo este tipo de conteúdo e melhorar cada vez mais. Clique aqui e saiba como. Obrigado!

Deixe um comentário

Inscreva-se na nossa newsletter!