Starblade

Starblade é um rail shooter espacial da Namco lançado originalmente em 91, aos fliperamas, notável pelo então inovador uso de gráficos 3D em tempo real, o que pode ter influenciado o grande sucesso Star Fox.

23 de novembro de 2020

Starblade (ド タ ー ブ レ) é um rail shooter espacial que foi desenvolvido e lançado pela Namco originalmente em setembro de 1991, aos fliperamas japoneses.

Notável pelo então inovador uso de gráficos 3D em tempo real, algo que acredita-se ter influenciado o popular grande sucesso do SNES de 1993 Star Fox, o Starblade apresenta duas partes: uma onde o jogador tem que destruir um planeta similar à Estrela da Morte (do Star Wars) e a outra onde deve-se acabar com a frota inimiga e seu líder.

Um dos destaques do Starblade era o gabinete no qual era encontrado, o qual continha um assento que vibrava sempre que o jogador era atingido, seja por fogo inimigo, objetos como naves, asteroides etc. O joystick tinha um botão de fogo situado no topo do manche, aonde o polegar do jogador ficava, e era muito semelhante em aparência e sensação ao utilizado ao clássico de 1983 da Atari, Star Wars.

O Starblade foi portado posteriormente para o Sega CD/Mega-CD (1994), 3DO (16 de dezembro de 1994), PlayStation (1995, Starblade Alpha), PlayStation 2 (2005, como um jogo de bônus em Tekken 5), Wii (21 de abril de 2009), iOS (2013, Namco Arcade), PlayStation 3 (2014) e PS Vita (2014). O jogo também ganhou uma sequência em 2001 chamada Star Blade – Operation Blue Planet., mas esta parece que não chegou a ser lançada.

Vídeo

O vídeo acima foi feito pelo canal Defenestrando Jogos e é bastante informativo e descontraído, sendo uma das principais fontes desta publicação. O conteúdo foi publicado originalmente em forma de uma live, e começa, mais ou menos, na minutagem 10:30 do vídeo.

Enredo

Sentado na posição de artilheiro da aeronave de combate GeoSword, uma nave deve atravessar a armada inimiga e levar a luta para seu planeta base, Redeye.

Durante o percurso, a FX-01 “GeoSword”, com a ajuda de seus alas, terá que combater enormes cruzadores de batalha, infiltrar naves inimigas e navegar pelos desfiladeiros de Redeye rumo ao bombardeio.

Somente depois de completar toda a sua missão é que a galáxia ficará segura.

Gameplay

O Starblade tem 10 missões ao todo, onde o jogador é o artilheiro que controla um canhão laser de cano duplo da nave estelar chamada GeoSword e tem que enfrentar um grande número de inimigos de uma raça alienígena hostil conhecida como “Unknown Intelligent Mechanized Species” (UIMS), antes que eles destruam a Terra com uma poderosa super arma.

Trata-se de um rail shooter que ocorre em uma perspectiva de primeira pessoa, com as partidas girando em torno do jogador controlando uma mira e atirando nos inimigos e projéteis que se aproximam.

A GeoSword tem um medidor de escudo defletor no canto esquerdo inferior que se esgota quando é infligida com fogo inimigo. Quando este se esvaziar, é game over, como poderíamos adivinhar.

O jogador precisará completar duas missões: destruir o reator de energia da super arma “Red Eye” e eliminar uma fortaleza inimiga e um poderosa nave chamada “Commander”. A Commander persegue o jogador durante a partida e travará uma luta contra ele depois que as duas missões forem concluídas, sendo efetivamente o chefão do Starblade.

As versões PlayStation e 3DO do jogo oferecem a escolha entre um modo arcade e um modo aprimorado. Nos modos avançados, os polígonos planos são refeitos totalmente texturizados e as barras pretas nas laterais foram removidas para transformar a imagem em uma visualização em tela cheia.

Curiosidade

  • O Starblade foi produzido usando o Namco System 21, uma placa de sistema de arcade conhecida como “Polygonizer”.
  • Starblade foi mostrado em Tekken 5 durante a tela de carregamento de abertura e como um jogo clássico que podia ser destravado na sessão Arcade History do game. Starblade também aparece no Ridge Racer 7 como o fabricante de rodas do jogo.
  • A versão do Wii do Starblade é notável por ser um dos poucos games a serem jogados usando o ponteiro do Wii Remote, como o Solvalou, o shooter 3D do Xevious, também da Namco.
  • A revista GameFan em 1994 (Vol 3, edição.1) deu o prêmio de melhor jogo de ação e fliperama do ano para Sega CD (Sega CD Action/Arcade Game of the Year).
  • A versão de fliperama do Starblade usava um espelho côncavo (moldado de plexos preto, refletivo e flexível) para refletir a imagem de um monitor de resolução padrão de 26 polegadas na parte superior da caixa do simulador. Isso proporcionava ao jogador uma experiência de um ambiente espacial mais profundo que, com seu efeito de lente, nunca havia sido visto em nenhum videogame na época.
  • A Victor Entertainment lançou um álbum com a trilha sonora deste jogo em uma edição limitada para este jogo (Starblade & Galaxian3 – Project Dragon : Namco Game Sound Express Vol.06 – VICL-15009) em 21/03/1992.

Screenshots

As screenshots acima são da versão de fliperama do Starblade e foram tiradas da Mobygames.

Técnico

  • Hardware: Namco System 21;
  • ID do jogo: ST;
  • CPU principal: (2x) 68000 (@ 12,288 Mhz), M6809 (@ 3.072 MHz), HD63705 (@ 2.048 MHz), (2x) TMS32025 (@ 24 MHz);
  • Chipes de som: C140 (@ 32 KHz), YM2151 (@ 3,57958 MHz);
  • Jogadores: 1;
  • Controle: Joystick ou manche;
  • Botões: 4.

Veja também

Observação: se você gostou deste post ou ele lhe foi útil de alguma forma, por favor considere apoiar financeiramente a Gaming Room. Fico feliz só de ajudar, mas a contribuição do visitante é muito importante para que este site continua existindo e para que eu possa continuar provendo este tipo de conteúdo e melhorar cada vez mais. Clique aqui e saiba como. Obrigado!

Deixe um comentário

Inscreva-se na nossa newsletter!