Sega e Microsoft confirmam parceria para nova plataforma de games

Em 1º de novembro de 2021, a Sega e Microsoft confirmam aliança estratégica para uma nova plataforma de games em nuvem com alcance global. O Velberan traz e comenta a notícia.

1 de novembro de 2021

Confirmando uma série de rumores sobre uma joint venture entre as empresas, a Sega e a Microsoft confirmam parceria para nova plataforma de games em nuvem que por enquanto se chama Super Game.

Ficamos sabendo disso hoje, 1º dia de novembro de 2021, através de uma nota oficial noticiada e comentada pelo Velberan no vídeo a seguir.

Segundo o Gadgets Now, a Sega Sammy Holdings, uma firma resultante da fusão entre Sega e a Sammy Corporation, disse na segunda-feira que está explorando uma aliança estratégica com a Microsoft para desenvolver títulos de grande orçamento usando a tecnologia de jogos em nuvem do fabricante do Xbox, gerando expectativa de que a mudança poderia sinalizar um vínculo mais profundo.

A Sega, sediada em Tóquio, almeja a criação de games com alcance global na plataforma de nuvem Azure da Microsoft, de acordo com um comunicado da bolsa de valores sem fornecer mais detalhes, incluindo se um acordo envolveria exclusividade para os títulos ou investimento de capital. As ações da Sega saltaram 6% nas negociações da manhã.

A própria plataforma de nuvem da Microsoft já é disponível por meio do Xbox Game Pass, um serviço de assinatura crossplataform que apresenta títulos da Sega, como a série Yakuza. Inclusive, saiu um protótipo muito maneiro de um mashup entre esta franquia e Streets of Rage quase que recentemente, o Streets Of Kamurocho. De fato, as duas empresas já têm uma longa história de parceria mesmo.

Enfim, os jogos em nuvem dispensam hardwares robustos, mas requerem uma conexão rápida com a Internet (é tipo Stadia ou GeForce Now). O empurrão da Microsoft dentro deste setor nascente vem com o Xbox sendo amplamente considerado em desvantagem na batalha contra o PlayStation, da Sony.

“Trabalhando com a Microsoft para antecipar essas tendências à medida em que aceleram ainda mais no futuro, objetivamos otimizar os processos de desenvolvimento e continuar a trazer experiências de alta qualidade para os jogadores que usam a tecnologia de nuvem Azure”, disse a Sega.

Uma oferta da Microsoft para adquirir a Sega tem sido também um rumor por décadas. O Japão, terceiro maior mercado de game do mundo e grande inovador nesta indústria, continua sendo um ponto fraco para a empresa fundada em solo americano.

O anúncio desta segunda-feira veio após uma série de lançamentos recentes da Sega aclamados pela crítica, incluindo as séries Persona e Total War. A empresa, que desistiu do mercado consoles após uma série de fracassos (principalmente o do Dreamcast), é atualmente um prolífico fabricante de máquinas “pachinko” para jogos de azar e sinalizou suas ambições de ampliar o alcance dos seus games.

Extra

Pra encher linguiça, meti um vídeo antigo nosso com ma notícia relacionada à Sega, a do Sega Forever. Apesar de ser algo de 2017, dá pra ver que eles estão realmente tentando explorar novas possibilidades já faz tempo.

Desejo boa sorte. Esta empresa foi muito importante pra mim e muitos outros:

Veja também

Observação: se você gostou deste post ou ele lhe foi útil de alguma forma, por favor considere apoiar financeiramente a Gaming Room. Fico feliz só de ajudar, mas a contribuição do visitante é muito importante para que este site continua existindo e para que eu possa continuar provendo este tipo de conteúdo e melhorar cada vez mais. Clique aqui e saiba como. Obrigado!

Deixe um comentário

Inscreva-se na nossa newsletter!