Defenestrando Undercover Cops (1992)

Newsletter:

Visão geral

Hoje, para você assistir aí de bobeira e não morrer de câncer com a programação televisiva, estamos trazendo o playthrough do Undercover Cops, em mais um vídeo comentado produzido pelo canal Defenestrando Jogos e parte do seu Fliperama Nostálgico. É bem informativo e descontraído e trouxe muitas informações que usamos para construir esta publicação nossa. Note que, como o vídeo foi exibido como uma live, demora um pouco para ter conteúdo, o qual começa na minutagem 6:49 do mesmo.

Undercover Cops (アンダーカバーコップス) é um beat ’em up desenvolvido e lançado pela Irem em julho de 1992, originalmente para os fliperamas. Nele, os jogadores controlam os “city sweepers”, um grupo de agentes que atuam contra vagabundos numa Nova Iorque do ano 2043. O jogo é notável pelos seus backgrounds altamente detalhados e pela ambientação de futuro distópico, apresentando também alguns elementos gory, como esqueletos sendo bicados por corvos e um compactador de lixo que esmaga os protagonistas.

Undercover Cops foi a primeira tentativa da Irem de criar um jogo de luta nos moldes do altamente popular Fight Fight, o título da Capcom considerados por algum o responsável por modernizar o gênero beat ’em up. O jogo ganhou ports apenas para Super Famicom (1995), Windows (2011), Macintosh (2011) e Desura (2013). Além disto, o Game Boy recebeu um spin off chamado Undercover Cops: Hakaishin Garumaa e uma translação mais acurada para o ocidente chamada Undercover Cops Alpha que mantém-se mais fiel à versão original de arcade (veja nas curiosidades).

Enredo

É o ano de 2043 e o Dr. Clayborn e seus capangas tomam cada vez mais controle da cidade. O Comissário Gordon (não o do Batman) fez um último pedido de ajuda e chamou três dos melhores city sweepers, os policiais disfarçados de Nova York: Bubba, um ex-jogador profissional de futebol; Flame, uma ex-Miss América; e Claude, um mestre de Karatê e professor de filosofia aposentado. Eles devem vencer os os capangas e lacaios do Dr. Clayborn a fim de restaurar a lei e a ordem na cidade.

Gameplay

Undercover Cops pode ser descrito em poucas linhas como um em beat ’em up de rolagem horizontal extremamente divertido onde quase tudo, exceto as armas dos inimigos (como no Vendetta), pode ser usado pelos protagonistas para ajudar a meter porrada: peixes, rochas, vigas de aço, barris de óleo e até carros. Outro ponto que merece destaque é que, apesar de ser inspirado no Final Fight, os inimigos não são apenas variações do nóia comum de rua, podendo vir também toupeiras estranhas e mutantes com jetpacks pra te atacar.

O jogo conta com cinco fases, onde serão enfrentados grande quantidade de inimigos, devendo também os heróis derrotarem o chefão no final de cada uma delas. Undercover Cops é um game multiplayer onde até três pessoas podem jogar simultaneamente (na versão original de fliperama), e cada um dos personagens podem usar chutes e socos padrões, além de um golpe especial que é mais poderoso mas consome energia.

Para recuperar energia, aliás, os jogadores podem comer ratos, sapos, pássaros e cobras (no bom sentido, é claro), algo que foi aproveitado na série Metal Slug como elemento de humor.

Curiosidades

  • O carro de policia que aparece no final de Undercover Cops lembra muito o veículo do Moon Patrol, um antigo e popular jogo da Irem de sua época;
  • Sobre os itens que parecem uma pequena TV vermelha, tem uma foto do chefe da Fase 1 do R-Type;
  • Uma versão norte-americana do jogo para o Super NES foi planejada, mas nunca foi lançada de fato;
  • Undercover Cops foi um dos 18 jogos de fliperama da compilação Irem Arcade Hits, lançada em 12 de setembro de 2011 para Macintosh, o port que citei acima;
  • Devido ao seu relativo sucesso no Japão, o Undercover Cops ganhou seu próprio mangá de Waita Uziga que teve dois números publicados pela Shinseisha em 1993 e 1995;
  • Existem grandes diferenças entre a versão original de arcade japonesa e a do resto do mundo. A versão japonesa contém músicas diferentes, mais golpes, arte e detalhes em geral, além de melhores gráficos. Os nomes dos heróis também foram trocados: Zan Takahara (Claude), Matt Gables (Bubba) e Rosa Felmond (Flame);
  • A versão norte-americana não contém um golpe da Rosa (Dois toques para frente + pulo + ataque).

Vídeo adicionado em: 25 de novembro de 2018

Categorias: Arcade, Luta, Vídeos

Tags: , , , ,

Autor/Canal: Defenestrando Jogos

Visto/Jogado: 2 vezes.

Link Deste Vídeo:

Deixe um comentário

eXTReMe Tracker
Copyright © 2001 - 2018 Gaming Room. Todos os Direitos Reservados - É expressamente proibida a reprodução total ou parcial deste site sem o consentimento dos autores.