Principais Atualizações

Medieval Shooter

29 de abril de 2017
Medieval Shooter

Experimente Medieval Shooter, um jogo de galeria de tiro pra browsers, e use a sua besta para atirar nos soldados inimigos, afim de completar cada missão e sobreviver.

Controles

  • Mouse: Mira e atira

Clique Aqui Para Jogar

Time Slaughter

28 de abril de 2017
Time Slaughter

Time Slaughter (escrito Timeslaughter em alguns lugares), é um jogo de luta desenvolvido e lançado em 1996 pela Bloodlust Software, para o PC (MS-DOS).

O game segue a linha do punhado de clones do Mortal Kombat que surgiam na época, com fatalities, melhor de 3 rounds, sangue explícito e violência animada, mas levou esta fórmula a um nível comicamente exagerado.

Em Time Slaughter, temos diálogos cheios de profanidades, excessivo uso de sangue e gore nos golpes e nos sofisticados slaughter moves (como usar o intestino do oponente como gaita de fole e tal) e um enredo humoristicamente absurdo. Isto, somado a uma jogabilidade levemente melhor do que a maioria dos clones do MK da época (embora ainda imperfeita), fizeram o diferencial do game, embora ainda permaneça um título bastante obscuro.

O estilo dos gráficos do Time Slaughter são peculiares. Alguns podem achá-los horrorosos. Eu já achei bastante nostálgicos e o estilo tosco, absolutamente original e que combinando também com clima do game.

Sua engine garante também planos de fundo com camadas múltiplas, cinemática, pisos em 3D, vozes digitalizadas, sangue que fica no chão, dano visível aos jogadores e trilha sonora composta pela banda (?) Anal Kitties.

Quanto a jogabilidade do Time Slaughter, eu poderia colocá-la no meio termo pra cima entre um título decente e alguma porcaria qualquer. É melhor do que vários games do gênero pra DOS da sua época (1996), mas ainda é inferior a alguns mais antigos, como o Street Fighter II (1991) ou o próprio Mortal Kombat (1992). Tentando explicar melhor, a jogabilidade é boa o suficiente para promover estratégia nas lutas, porém, pode enraivecer o jogador raiva às vezes ou tentá-lo a sair apertando os controles aleatoriamente, na esperança de soltar especial ou acertar o adversário na sorte. Também, é suficientemente suave para garantir, junto com a nostalgia e os outros aspectos que citamos acima, o suficiente para valer a pena dar uma olhada no Time Slaughter.

Vídeo

O vídeo abaixo é o décimo oitavo episódio do Velharia, nossa série de vídeos a respeito de jogos antigos. Trata-se de um playthrough comentado do game, que fornece várias informações a respeito do mesmo, além de mostrar seu gameplay:

Screenshots

Gameplay

Como falamos, o Time Slaughter é um jogo de luta que segue a linha do Mortal Kombat e outros do gênero da época. Cada luta é uma disputa de uma melhor de três rounds, onde o perdedor pode ser executado com algum fatality, chamados aqui de “Slaughter Moves”. Cada um destes rounds termina quando um dos lutadores perde toda sua energia ou quando o tempo termina, podendo empatar ou fazer com que o personagem com menos HP seja o perdedor.

Os lutadores podem pular, agachar, retroceder, avançar e aplicar golpes comuns e especiais. Cada um deles possui três tipos de socos e chutes, 4 ou 5 golpes especiais e um slaughter move. Entretanto, em Time Slaughter, não existe sistema de combos e nem barras de energia para encher e desferir super golpes.

A grande inovação neste sentido, em relação a outros games, vai para a aparência dos lutadores que vai ficando mutilada na medida em que eles vão apanhando. O grau de mutilação depende de quanto foram surrados, chegando a aparecer até a caveira, em alguns casos. A aparência dos lutadores volta ao normal no início de cada round, assim como os rios de sangue, comumente surgindo no solo durante as batalhas, desaparecem.

Enredo

William Spade é um cientista que está muito próximo de completar uma máquina do tempo completamente funcional. Entretanto, ele nem teve tempo pra comemorar. Quatro membros de uma raça de demônios adoradoras do tempo conhecida como Takar consideram tal máquina profana e resolvem visitá-lo antes de ficar pronta. Tudo no melhor estilo dos Cenobites, da série de filmes Hellraiser.

Staine, The Dreg, The Surgeon e o Butcher torturam Space brutalmente até levá-lo à beira da morte, por ele se recusar a entregar a máquina do tempo. Depois de perder ambos os braços e o olho esquerdo, Spade consegue ativar a máquina com o seu nariz, enviando os Takar de volta para onde vieram. Entretanto, ter usado o dispositivo prematuramente, antes de estar totalmente pronto, uma enorme fenda no espaço-tempo foi criada. Consequentemente, combatentes de distintas épocas foram transportados aleatoriamente de lugar a lugar, cada um com sua própria motivação para lutar.

Spade reconstrói seu corpo e se transforma num monstro insano e cibernético conhecido como Portal. Agora, ele está mais do que pronto para se defender de qualquer um que seja transportado para seu plano de existência, incluindo os Takars.

Lutadores

Cada lutador de Time Slaughter vem de uma era diferente e tem também uma bio diferente. Dez deles podem ser escolhidos normalmente:

Asylum

Asylum foi trancafiado num hospício por causa de suas tendências violentas, fazer brincadeiras estilo Joselito e escutar música alternativa. Ele afirma ter múltiplas personalidades, incluindo Hitler, PeeWee Herman, Tiny Tim, Ethan Petty, Dr. Seuss e muitos e muitos outros.

  • Sua motivação pra lutar: não foi ele, foi o outro cara.
  • Idade: 29
  • Origem: Sydney, Austrália
  • Tempo: 2043 d.C.
  • Estilo: Loucura

Chi

Chi foi vítima de uma pegadinha cruel. Seu mestre lhe disse para guardar uma ponte quando era apenas um garoto, até que os “macacos voadores”aparecessem. Chi nunca parou de guardá-la. Agora, ele tem 45 anos e não sabe falar nenhum idioma. Por outro lado, ele aprendeu sozinho muitas habilidades, pois teve muito tempo para meditar.

  • Sua motivação para lutar: depois de 30 anos, ele acha que todo mundo é um macaco voador.
  • Idade: 45
  • Origem: Cheng, China
  • Tempo: 2043 a.C.
  • Estilo: Lâmina trançada

Jinsoku

Cego de nascença, Jinsoku dominou suas habilidades de combate desafiando árvores para duelos. Ele venceu quase todas as lutas contra seus inimigos de madeira. Nas montanhas nevadas, Jinsoku vive com sua tia e seu tio. Eles se certificam de que suas lâminas de pulso estejam afiadas e suas sandálias estejam amarradas.

  • Sua motivação para lutar: ele não pode enxergar nada e os ruídos altos e maus cheiros que você emite pode assustá-lo.
  • Idade: 92
  • Origem: Hokkaido, Japão
  • Tempo: 1327 d.C.
  • Estilo: Ainu-Kai

Lazarus

Lazarus era um hábil médico escocês, antes de se inscrever para um passeio de três horas no Caribe. Depois de bater em um desagradável iceberg tropical, o navio afundou e ele foi forçado a usar o corpo do seu companheiro como uma balsa. Agora, encalhado em uma ilha deserta com nada mais que o seu chapéu, kilt e uma caixa inteira cheia de garrafas (se ele fosse MacGuyver ele conseguiria sair dessa), ele ficou completamente senil.

  • Sua motivação para lutar: ele precisa de uma nova jangada.
  • Idade: 68
  • Origem: Caribe
  • Tempo: 1959 d.C.
  • Estilo: Caranguejo Encalhado

Mojumbo

Depois de se recusar a devorar seu pai (o chefe) quando este se aposentou, Mojumbo foi forçado a usar a máscara da vergonha. Agora, ele usa um arsenal massivo de vudu pirotécnico para proteger seu orgulho e seu povo.

  • Sua motivação para lutar: ele está com fome.
  • Idade: 33
  • Origem: Bahon, Haiti
  • Tempo: 1752 d.C.
  • Estilo: Vudu

Pierre

Um pintor brilhante e galanteador, Pierre é mais do que confortável com a sua feminilidade. Ele e seus irmãos dirigem um estúdio de arte e de luxúria sadomasoquista.

  • Sua motivação para lutar: as pessoas são muito mais coloridas quando estão contundidas.
  • Idade: 26
  • Origem: Paris, França
  • Tempo: 1528 d.C.
  • Estilo: Arte da Morte

Ug

Ug inventou a roda, o fogo, a tecnologia nuclear, o porrete e o assassinato.

  • Sua motivação para lutar: ele tem um cérebro insignificante.
  • Idade: 25
  • Origem: Vale do Neander
  • Tempo: 50002 a.C.
  • Estilo: Clubba Clubba

Vlad

Vlad Dracul (Vlad, o Diabo) tem uma perigosa obsessão de empalar aldeões. Ele quase sempre tem que lidar com uma multidão irritada de assassinos de vampiros. Com a capacidade de controlar mentes, se transformar e abrir a boca ainda do que a Spice pode, Vlad é uma máquina muito poderosa de chupar sangue.

  • Sua motivação para lutar: Tipo, ele é conhecido como “Vlad, o Diabo”. Precisa de mais?
  • Idade: 592
  • Origem: Valáquia, Romênia
  • Tempo: 1450 d.C.
  • Estilo: Empalamento

Savage

Savage acordou no deserto após a guerra nuclear de 2121, completamente sem memória. Ele se tornou o senhor das gaiolas de luta. Savage sofre da Síndrome de Tourette, uma doença que faz com que ele fale palavrões toda vez que ele fica empolgado. Ou seria isto uma desculpa?

  • Sua motivação para lutar: a glória da vitória.
  • Idade: ??
  • Origem: Vale da Morte
  • Tempo: 2189 d.C.
  • Estilo: Luta da gaiola

Spice

Spice foi concebida para ser uma paródia da vadia típica do ensino médio… Bem, talvez isto tenha ido longe demais, pois ela acabou virando uma violenta prostituta trabalhando para o seu proxeneta, Tio Guido. Quando ela luta, ao executar seus movimentos e golpes, ela dá uma palhinha dos filmes pornôs que ela estrela.

  • Sua motivação para lutar: ela odeia os homens, e odeia as mulheres por gostar de homens.
  • Idade: 16
  • Origem: Nova Iorque
  • Tempo: 1997 d.C.
  • Estilo: Piranhice

Além destes personagens normais, tem outros quatro que podem ser selecionados com trapaça ou destravando:

  • Buddy – Um personagem bizarro que é jogável quando é ativado um código. Ele tem uma cabeça enorme e parece um retardado mental.
  • Ravage – Um monstro que é jogável quando ativado um código. Não se sabe muito sobre ele, exceto que é uma versão alterada de Savage. Sua aparência é obra do Surgeon e, de acordo com o que ele fala no final das lutas, é um Takar convertido. Ele também fala bem menos palavrão que o Savage.
  • Staine – Chefão secreto que pode ser desafiado quando você aplica slaughter moves em todos os oponentes e não usa continues.
  • Portal – Chefão normal do game. Trata-se do cientista William Spade em sua forma cibernética e insana, depois que reconstruiu seu corpo mutilado pelos Trakars.

Sobre o download

O Time Slaughter é um jogo de 1996 lançado para o MS-DOS, portanto, é bem capaz que ele não funcione no seu sistema operacional moderno. Para rodar o game, recomendamos usar o DOSBox.

Para facilitar ainda mais o processo, embutimos a ferramenta no pacote para download junto com dois arquivos de lote, o Time Slaughter.bat, que carrega o jogo, e o Time Slaughter SETUP.bat, que carrega o setup do game. Basta clicar duas vezes sobre qual dos arquivos você quer abrir. Aqui, não precisei de rodar o setup, o game já rodou de boa usando as configurações que já estavam lá.

Lista de golpes: Poucos minutos antes de publicar o artigo, descobri um arquivo chamado MOVELIST.TXT que também está no pacote para download. Ele está em inglês e ensina como fazer todos os golpes e slaughter moves do game.

site ou autor do arquivo Bloodlust Software tamanho do arquivo 13,0MB licencaFreeware sistemas operacionais compativeisMS-DOS Download

Boom Power Plus Edition

26 de abril de 2017
Boom Power Plus Edition

Boom Power Plus Edition é uma edição feita pelo Spaceman333 do BoomPower, um simples, mas divertido, mod para Doom criado pelo EFLFE que faz os monstros explodirem quando destruídos. Tais explosões ou as suas chamas resultantes infligem dano em monstros ou nos jogadores próximos e detonar barris.

O PWAD conta com um sistema de pontuação e combo (para quantos monstros o jogador consegue explodir em cadeia), três itens de inventário (Explosive Fireball Throw, Protective Fire Nova e Pocket Nuke) que dropam, podem ser recolhidos e usados, e regeneração de saúde e armadura ao matar os inimigos.

Vídeo

Screenshots

Compatibilidade

O Boom Power Plus Edition pode ser usado com qualquer outro mod que não altera o comportamento dos inimigos e funcionou no GZDoom 1.8.2, 2.4 e Zandronum 3.0, aqui. Também se mostrou compatível com os IWADs do Ultimate Doom, Doom II, Final Doom e Freedoom.

Saiba Mais

site ou autor do arquivo Spaceman333 tamanho do arquivo 1,15MB Download

Gameplay do Soda Dungeon Lite [Facínora Arrisca 2]

26 de abril de 2017
Gameplay do Soda Dungeon Lite [Facínora Arrisca 2]

No segundo Facínora Arrisca, nossa série de vídeos sobre jogos simples ou aleatórios, nós mostramos um pouco do Soda Dungeon Lite, um game de browser com elementos de RPG, gráficos e sons retrô e que garante vários dias de gameplay.

O esquema do Soda Dungeon é o seguinte: você monta o seu grupo de aventureiros, recrutando-os na taverna de refrigerante, e parte para os calabouços em busca de desafios, tesouros e armamentos. Existem várias classes de personagens que são destravados na medida em que você vai comprando upgrades para a taverna, como assentos, o banco, ferreiro, mago e novos refrigerantes, dentre outras coisas.

Além disso, você ganha relíquias que podem ser melhoradas com as essências (que você ganha durante o jogo), que aprimoram stats, garantem maior taxa de loot ou recuperam HP dos personagens. Soma isso com a quantidade de monstros e itens, sem contar as várias dimensões que o jogo oferece (na versão completa), o Soda Dungeon apresenta muito jogo mesmo. Ele conta com a opção para jogar automático, para que você deixe o game sozinho quando precisar e achei também que o estilo e animações dos monstros parecem um pouco com os do Might & Magic 2.

O Soda Dungeon Lite oferece apenas a primeira dimensão do game, mas você pode continuar jogando na versão completa, Soda Dungeon, que é grátis e pode ser baixada para Android ou no Steam, carregando o save que você iniciou na versão de browser.

Saiba Mais

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Burl Tumd

25 de abril de 2017
Burl Tumd

Burl Tumd é um mod para Doom criado por Eric_ que é uma paródia, por assim dizer, do popular PWAD do SGtMarkIV, Brutal Doom.

Além de algumas provocações, como as dos arquivos TXT do mod e nos fóruns, na época em que este foi lançado, o Burl Tumd apresenta novas armas, sangue espirrando pra todo lado, inimigos novos e acelerados “e mais, tudo por menos de 1MB.”

Evidentemente, o PWAD não substitui o Brutal Doom, pois este mod apresenta muito mais coisas e já foi atualizado várias vezes, desde então. Entretanto, o Burl Tumd não deixa de ser interessante, especialmente pelo seu gameplay acelerado.

Vídeo

Screenshots

Compatibilidade

Testei o PWAD no GZDoom 1.8.2, 2.4 e no Zandronum 3.0, com os IWADs do Ultimate Doom, Doom II e Final Doom. Funcionou em tudo isso de boa.

Ele roda sem bugar ou travar no Freedoom, porém, faltam algumas sprites e fica meio estranho.

Saiba Mais

  • Burl Tumd (Last updated 8/11/13) – Tópico do PWAD no fórum do ZDoom, com mais informações, embora vários links para download e imagens estejam quebrados. Em inglês.
  • O mod foi recomendado pelo GAA1992.
site ou autor do arquivo Eric_ tamanho do arquivo 750KB licencaGrátis Download

Street Smart

25 de abril de 2017
Street Smart

Street Smart (ストリートスマート) é um antigo jogo de luta da SNK, lançado em agosto de 1989 para os fliperamas. O jogo, que tem como objetivo ganhar dinheiro, garotas e fama nas lutas de rua, apresenta elementos, trilhas sonoras e personagens que consagrariam, mais tarde, os games desta firma.

Aliás, é bem provável que todos os games de luta da SNK surgiram do Street Smart. Dificilmente, os elementos apresentados nele são coincidências… Certamente, a firma requentou os personagens para os seus jogos subsequentes. Não que isso seja algo ruim, é só um detalhe interessante sobre o título.

O Street Smart foi bem recebido pela crítica, apesar da sua jogabilidade ter sido considerada estranha, à primeira vista. Na verdade, tem uma boa jogabilidade, sendo um jogo divertido, apesar de ser ainda muito simples, se comparado com títulos que surgiriam depois.

Eventualmente, o jogo foi portado, em 1991, para o Mega Drive (Genesis). Tal versão foi desenvolvida e lançada pela Treco, com algumas diferenças no gameplay e gráficos em relação à original. Em 2011, o game foi incluído na compilação SNK Arcade Classics Vol 1 (SNK Arcade Classics Vol 0, no Japão).

Gameplay

O Street Smart é um beat ’em up onde os jogadores (pode ser jogado por dois ao mesmo tempo) podem se movimentar em 8 direções em uma arena, chutando ou socando seus inimigos. Embora o game não conte com nenhum tipo de especial, você pode combinar saltos e chutes para dar uns golpes diferentes, porém não são poderosos. O game inova com um sistema de combo bastante simples, porém, consta que é o primeiro a ter esta funcionalidade.

Os inimigos são bem difíceis de matar. Eles tem muita energia e arrancam muito da sua.

Ao contrário da maioria dos jogos deste gênero, os personagens lutam em uma arena fechada, com o jogador podendo escolher entre o veloz Karate-Man (que parece com o Takuma, do Art of Fighting) e o forte Wrestler (que parece com o Terry Bogard, do Fatal Fury).

O seu multiplayer é cooperativo, na hora que um segundo personagem entra no jogo. A partir daí, tem os dois enfrentando dois uma dupla de oponentes e depois se enfrentando, na Grudge Match, pra determinar quem vai ganhar pontos e vidas de bônus. A diferença é que os dois jogadores podem continuar assim até o fim do game, se enfrentando depois das lutas contra o computador mas sem dar game over pro perdedor.

Oponentes

  • “Slippery” Sam Santana (38 anos; 205lb*);
  • “Tiptoes” Tommy (45 anos; 310lb);
  • Jake “The Wrench” (40 anos; 185lb);
  • Larry “Legbreaker” Lubinski (19 anos; 220lb);
  • Antonio “Crybaby” Palermo (25 anos; 265lb);
  • Mike “The Muscle” McDermit (30 anos; 290lb);
  • Bobby Brown (21 anos; 175lb).

*1kg = 2.20462lb

Screenshots

Vídeo

O vídeo abaixo foi feito pelo canal Defenestrando Jogos que, além de mostrar um pouco do gameplay do peculiar título, traz também várias informações sobre o mesmo. Alguns dos dados deste post foram tirados deste vídeo:

Estreia do Facínora Arrisca com Season Match 4

24 de abril de 2017
Estreia do Facínora Arrisca com Season Match 4

Esquecemos de atualizar por aqui, mas ao mostrar o board game Season Match 4, nos estreamos um novo quadro em nosso canal, o Facínora Arrisca.

O Facínora Arrisca é uma série de vídeos narrados onde o Facínora vai mostrar jogos aleatórios e desconhecidos que podem ser bons ou ruins, inclusive cobrindo títulos lançados para browsers (Flash, HTML5, WebGL etc.) e que pouco se fala ou se sabe por aí.

O primeiro Facínora Arrisca mostrou e comentou o Season Match 4, um puzzler tipo bejeweled grátis e leve, onde você tem que combinar cores para remover as peças do tabuleiro, ganhando pontos, recolhendo e usando power-ups etc. Não parece ser um título muito inovador, mas pode ter apelo para os fãs do gênero.

Saiba Mais

  • Season Match 4 – Mais informações, screenshots e download do game, que é grátis.
  • Facínora Arrisca – Playlist em nosso canal do YouTube, onde você pode conferir os outros episódios do Facínora Arrisca.

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Defenestrando o Rad Mobile (1991)

23 de abril de 2017
Defenestrando o Rad Mobile (1991)

Conheça o Rad Mobile (ラッドモビール), este jogo de corrida da Sega lançado em janeiro 1991 para os fliperamas, em mais um vídeo canal Defenestrando Jogos.

Como o de costume, estamos adicionando um vídeo de gameplay de algum jogo antigo nos domingos, o que é sempre bem legal de assistir e também é uma boa alternativa à porcaria televisiva dominical. O Defenestrando Jogos, além de mostrar o Rad Mobile, ainda compartilhou várias informações e curiosidades, o que compilamos e adaptamos para montar este post.

Desenvolvido por uma divisão da Sega, a Sega-AM2, o Rad Mobile é um jogo de corrida bastante inovador da firma, que introduziu novos elementos na jogabilidade, principalmente sob a forma de efeitos climáticos dinâmicos. Em 1989, o Turbo Out Run também incluiu efeitos de tempo limitados, mas eles eram muito menos proeminentes como característica do jogo e muito menos impressionantes do são em Rad Mobile.

Outra inovação apresentada no game é que em muitas das etapas do mesmo, o gabinete move-se junto com o cenário dependendo da posição do carro na pista.

Contou com uma sequência, o Rad Rally, de 1991, e um port para o Sega Saturn (conhecido no Japão como Gale Racer), que saiu em 1994. Este port contou com vários upgrades em relação ao original dos arcades, como gráficos, introdução e trilha sonora aprimoradas, além de um sistema de save game e chaveirinhos novos do Sonic.

Gameplay

Rad Mobile é um jogo de corrida com vinte fases que se passam pelos Estados Unidos, de Los Angeles até Nova York. No game, o jogador guia um protótipo da Ferrari 330 P4, o único disponível para ser dirigido, e competindo contra oponentes controlados pelo computador.

Alguns estágios também têm patrulhas da polícia e os jogadores devem evitar ou fugir destes carros, sob o risco de ser parado, significando perda de valiosos segundos.

Além do tempo apertado, motoristas rivais (os carros marcados pela palavra “RIVAL” no game) e dois sentidos de tráfego pesado, os jogadores agora tem que lidar com chuvas fortes, neblinas espessas e escuridão. O para-brisas e faróis devem ser usados manualmente pelo jogador. Isto é algo que, juntamente com a visão interna do carro, estilo simulador, dá uma sensação mais realista e interativa para a corrida.

O estilo do gameplay do Rad Mobile me lembrou bastante uns jogos da série Test Drive, uma popular franquia de games de corrida do início dos anos 90 para o PC.

Curiosidades

  • Na tela de título do Rad Mobile, está escrito 1990. Porém, jogo foi lançado em 1991 mesmo, no Japão;
  • Rad Mobile foi o primeiro jogo de fliperama de 32 bits da Sega;
  • O lendário mascote da firma, Sonic, é mostrado no game num chaveiro que oscila no espelho retrovisor do jogador. É a primeira vez que o Sonic apareceu em um jogo;
  • Uma máquina do Rad Mobile é apresentada num filme de 1992, Encino Man, conhecido no Brasil como “O Homem da Califórnia” e estrelado por Brendan Fraser;
  • Rad Mobile conta com dois finais que dependem de qual lugar do jogador termina e se ele usou os atalhos. O melhor final é conseguido ao terminar em primeiro lugar sem o uso de atalhos.

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Carveola Incident: 2118 AD

22 de abril de 2017
Carveola Incident: 2118 AD

Carveola Incident: 2118 AD é um jogo online de tiro estilo defense onde você vai encarar hordas de mortais alienígenas em um planeta estranho.

No século XXII, a Terra teve seus recursos naturais esgotados e a humanidade estava sob ameaça de extinção. A única solução para este problema era arrumar outro planeta para viver.

Depois de vários anos nesta busca, finalmente os humanos acharam um planeta capaz de abrigar vida como a nossa. Porém, o lugar já estava habitado…

Controles

  • Mouse: Mira e atira
  • R: Recarregar
  • P: Pausa o game
  • 1 a 4: Ataque orbital

Jogue Mais

Clique Aqui Para Jogar

Samsara Extra Heroes

21 de abril de 2017
Samsara Extra Heroes

Samsara Extra Heroes é um addon para o mod para Doom, Samsara 0.31, que adiciona uma grande quantidade de novas classes de jogadores, além das que o PWAD do TerminusEst13 já garantia.

Sendo desenvolvido pelo Samsara Extra Heroes Team, o projeto permite o jogador a controlar protagonistas de vários outros games ou franquias de FPS, como:

  • Lo Wang (Shadow Warrior);
  • Ranger (Quake);
  • IPFreeley (Rise of the Triad);
  • Cybermage (Cybermage);
  • Blake Stone (Blake Stone);
  • Caleb (Blood);
  • Doom 64 Guy (Doom 64);
  • Eleena (Erradicator);
  • LDFCommando (Rebel Moon Rising);
  • Kyle Katarn (Star Wars: Dark Forces);
  • Mooman (In Pursuit of Greed);
  • Jack (Disruptor);
  • Grondoval (Witchaven);
  • Freemen (Half Life);
  • Jon (PowerSlave);
  • Leonard (Redneck Rampage).

Isto, somado às classes já existentes no Samsara puro:

promove muitas possibilidades de gameplay, especialmente no multiplayer.

O pacote do Samsara Extra Heroes vem com três arquivos: samsara-v0.31-beta.pk3, o Samsara; samsaraexdm_patchv1.06.pk3, o patch de deathmatch com o Samsara Extra Heroes; e o samsara_ex-hb3.pk3 o addon em si.

Vídeo

Screenshots

Compatibilidade

O Samsara Extra Heroes funcionou aqui apenas no Zandronum 2.1.2, com os IWADs do Doom II, Final Doom e Freedoom.

O add-on não funcionou com o Samsara novo que foi retomado pelo Kinsie (v0.3666).

Saiba Mais

site ou autor do arquivo Samsara Extra Heroes Team tamanho do arquivo 133,7MB licencaGrátis Download

MSPaintDoom

21 de abril de 2017
MSPaintDoom

MSPaintDoom, também chamado de MSPDoom, é um mod para Doom II desenvolvido pelo Combinebobnt que implementa, no game da id Software, gráficos estilizados ou desenhados na sempre presente ferramenta do Windows, o MS Paint.

Além das mudanças visuais (sprites, texturas etc.), o mod também apresenta modificações no gameplay, especialmente nos monstros (que são randomizados), armas (várias novas e umas com tiro alternativo) e drops (que foram modificados ou randomizados). Com outros dois arquivos PK3 que vem junto, o MSPaintDoom também apresenta spawn aleatório de itens e monstros e um set de mapas para multiplayer.

Tem muitas armas novas com comportamentos bem diferentes, como uma que ressuscita monstros pra lutar ao deu lado ou que summona um robozinho aliado. Também, existem vários monstros novos ou variações dos clássicos, que se comportam de maneiras muito interessantes, como um Imp que joga Lost Souls explosivas contra você.

Vale a pena dar uma curiada no MSPDoom, especialmente se você gostou do Lizard Squad, outro mod para Doom com gráficos feitos no MS Paint.

Vídeo

Screenshots

Compatibilidade

O MSPaintDoom rodou aqui apenas no Zandronum 2.0, 2.1.1 e 3.0, com os IWADs do Doom II, Final Doom e da phase 2 do Freedoom. Dá pra jogar sem dar crash com a phase 1 do Freedoom, porém as texturas ficam zuadas.

No pacote para download tem dois arquivos, um para cada versão do mod. Cada uma destas versões é compatível com uma versão do port diferente, sendo o mspdbet6.pk3 para o Zandronum 2.x e o mspdbet6hf.pk3 para o Zandronum 3.0. Ou seja, você deve escolher qual destes dois arquivos é o correspondente à sua versão desta engine e deve carregar APENAS o tal arquivo antes do mspdmaps-v6.pk3 e do mspd-randomspawner6.0.pk3.

Saiba Mais

site ou autor do arquivo Combinebobnt tamanho do arquivo 34,7MB licencaGrátis Download

StarCraft Anthology já disponível gratuitamente na Blizzard

19 de abril de 2017
StarCraft Anthology já disponível gratuitamente na Blizzard

O StarCraft Anthology já está disponível gratuitamente na Blizzard, como falamos que ia acontecer no Notícias do Facínora 22, depois que confirmamos o boato da remasterização do StarCraft original.

StarCraft Anthology contém o jogo completo e o seu popular pacote de expansão, StarCraft: Brood War, ambos de 1998.

Para resgatar sua cópia e garantir o game para sempre em conta, basta ter cadastro na Blizzard e entrar neste link. Lembrando que o game vai ter multiplayer online e parece que usuários tanto da versão clássica quanto da remasterizada vão poder jogar juntos.

No vídeo abaixo, dentre outras notícias, o Facínora falou sobre isso:

Lizard Squad com Texture Pack [Gaming DooM 6]

18 de abril de 2017
Lizard Squad com Texture Pack [Gaming DooM 6]

O sexto episódio do Gaming DooM, nossa série de vídeos narrados sobre Doom, trouxe o Lizard Squad de volta pro nosso canal. O diferencial, desta vez, é que o vídeo além de ser comentado foi gravado usando também o Lizardcommando’s Texture Pack for Doom II, um pacote do mesmo autor do mod que deixa as texturas do game num estilo cartunesco, combinando com o estilo geral do projeto.

Para quem não conhece, o Lizard Squad é um mod para Doom criado pelo Lizardcommando que transforma monstros, sprites, armas e outros elementos do FPS por gráficos cartunescos, no melhor estilo MS Paint. Ele combina gráficos simples com um pouco de humor e elementos de vários outros games, como Mega Man, Halo, C&C, Metal Slug etc.

O Facínora jogou três mapas do Doom II para falar sobre o Lizard Squad mas acabou falando também sobre o Command & Conquer: Tiberian Dawn, visto que o PWAD usa umas vozes ripadas deste épico jogo de estratégia em tempo real, dentre outros games.

Saiba Mais

  • Lizard Squad – Baixe o Lizard Squad e obtenha mais informações sobre este mod.

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Ninja Combat

18 de abril de 2017
Ninja Combat

Ninja Combat é um jogo de luta estilo beat´n up com rolagem lateral desenvolvido pela Alpha Denshi e lançado pela SNK em 1990, primeiramente, para os fliperamas.

O Ninja Combat foi portado, posteriormente, para os sistemas: Neo-Geo (1991), Neo-Geo CD (1994), PlayStation 2, Nintendo Wii e Virtual Console (2007).

Screenshots

As screenshots abaixo foram tiradas da versão de fliperama do Ninja Combat:

Vídeo

O vídeo abaixo foi produzido pelo canal Defenestrando Jogos, e conta com muitas informações e curiosidades a respeito deste game, as quais usamos para montar esta publicação, além de mostrar o gameplay do mesmo:

Enredo

No final da década de 90, dois guerreiros ninjas gêmeos conhecidos por Joe e Hayabusa (seriam uma referência a Joe Musashi e Ryu Hayabusa?) estão travando uma batalha contra um clã ninja maligno. Eles tem como missão lutar contra a Kage Ichizou em sua fortaleza, a Torre Ninja, que surgiu a partir da baia de Nova York e mandar, de uma vez por todas, o demônio Genyousai para as profundezas. Dois guerreiros ninja gêmeos conhecidos por Joe e Hayabusa.

No decorrer da jornada, quando alguns inimigos forem derrotados, eles passarão a lutar ao seu lado. São três dos subchefes: Musashi, Kagerow e Gembu, que tornam-se personagens opcionais ao terminar cada estágio.

Gameplay

Como já dissemos, o Ninja Combat é um beat ’em up. Ele conta com armas que podem ser recolhidas pelos dois heróis principais e usadas, como nunchakus, maças, machados e katanas. Também tem combinação de ataques e golpes especiais, como um ataque com mortal onde vários oponentes são atacados ao mesmo tempo e um grande dragão que é conjurado para destruir todos os inimigos da tela.

Os jogadores (pode ser jogado por duas pessoas em cooperação) controlam os protagonistas enquanto eles abrem caminho através de um parque de diversão, enfrentando uma imensa horda de lacaios do clã maligno e seus líderes.

Além dos dois heróis principais, Joe e Hayabusa, alguns subchefes se tornam selecionáveis depois de aparecerem, Musashi, Kagerow e Gembu.

Curiosidades

  • Ninja Combat foi o nono jogo lançado para o sistema MVS da SNK.
  • Apenas os 2 jogadores principais, Joe e Hayabusa, podem recolher as armas especiais, como espadas, machadinhas e maças. Os outros três jogadores (Musashi, Kagerow e Gembu), que se tornam selecionáveis depois de aparecer como subchefes, não. Para descartar uma arma especial que você pegou, pressione o botão B (pulo).
  • O jogo tem uma grande semelhança com o clássico Gang Wars, de 1989. Também criado pela ADK e distribuído pela SNK nos fliperamas, ele manteve a aparência de um jogo para outro mas com algumas melhorias técnicas que a placa MVS oferecia.

 

Mercs

16 de abril de 2017
Mercs

Pra começar a domingueira, confira o gameplay do Mercs feito pelo canal Defenestrando Jogos, que, além de mostrar um pouco do game, oferece bastante informações e curiosidades a respeito deste run and gun.

Mercs, lançado originalmente em março de 1990 como Senjō no Ōkami II (戦場の狼Ⅱ Wolf of the Battlefield II), no Japão, é um jogo de tiro run and gun com visão top-down desenvolvido pela Capcom para os arcades, sendo o nono título a usar a placa CPS-1, desta firma.

O Mercs conta com recursos gráficos sólidos e som em abundância, considerando o contexto em que foi lançado, várias armas e veículos para usar e abusar e chefões enormes para derrotar. É um game que contou com boa repercussão no que diz respeito a críticas e de vendas, o que é evidenciado pela sua continuação, seus ports e relançamentos. O Mercs ganhou o prêmio “Hyper Game” concedido pela MegaTech.

Enredo

Os EUA enfrentam uma grave crise quando o ex-presidente foi sequestrado por um grupo de revolucionários, durante uma viagem à África Central que tinha o objetivo de promover a paz mundial. Três soldados antiterroristas altamente qualificados são contratados para abrir caminho através das linhas inimigas.

Esta equipe mercenária de operações especiais, conhecida como “Wolf Force”, é composta por Joseph Gibson (jogador 1, em azul), Howard Powell (jogador 2, em vermelho) e Thomas Clarke (jogador 3, em amarelo). Eles devem aniquilar as tropas rebeldes e salvar o ex-presidente, que está cativo no país ficcional africano de Zutula, administrado por um governo do apartheid.

Imagina se o Lula é sequestrado se você iria lá encarar um exército de carniceiros pra salvar ele? Se bem que ele ia se sentir é em casa…

Gameplay

A versão de fliperama do Mercs possui suporte para até três pessoas jogarem simultaneamente o game, que tem sete fases, sendo a última o resgate do ex-presidente de um C-130 Hercules (um avião militar de transporte da Lockheed).

Os controles consistem em um joystick de oito direções e dois botões: um para o ataque normal, que pode receber upgrades e outro para o ataque Megacrush, que detona todos os inimigos da tela, mas é limitado pelo número de bombas que o jogador possui.

Os personagens controlados pelos jogadores tem um indicador de vitalidade que irá gradualmente diminuir na medida em que tomam danos. A vitalidade pode ser recuperada recolhendo kits de primeiros socorros ou power-ups. Em determinadas fases, os jogadores pode pilotar veículos inimigos capturados.

Série Commando e ports

É o segundo game da série do Commando, sendo precedido por este game de 1985 e seguido pelo Wolf of the Battlefield: Commando 3, de 2008.

Além da sequência, o Mercs foi portado para o Amiga (1991), Mega Drive/Genesis (1991), Master System (1987), Sinclair ZX Spectrum (1991), Commodore C64 (1991), Amstrad CPC (1991) e Atari ST (1991).

O run and gun também foi relançado em várias compilações, como o Capcom Generations (Sega Saturn e PlayStation) em 1998, Capcom Classics Collection Vol. 1 (PlayStation 2 e Xbox), em 2005, e o Capcom Classics Collection: Reloaded (PlayStation Portable), em 2006.

Por fim, o jogo também ganhou sua versão para o Windows Wii em 2009, com o título Mercs: Wolf of the Battlefield, afim de relacionar o antigo título com o Wolf of the Battlefield: Commando 3.

Página 1 de 19212345678...20...Última »
  • Seja social e nos siga!

           
  • Páginas

  • Tags Especiais

  • Categorias

  • Parceiros

  • eXTReMe Tracker
    Copyright © 2001 - 2017 Gaming Room. Todos os Direitos Reservados - É expressamente proibida a reprodução total ou parcial deste site sem o consentimento dos autores.