Ultima IV: Quest of the Avatar

8 de setembro de 2020

Ultima IV: Quest of the Avatar é um RPG de fantasia medieval, o quarto da série Ultima e o terceiro da trilogia Age of Enlightenment, desenvolvido pela Origin Systems e lançado originalmente em novembro de 1985 para computadores Apple II.

Com mapas muito maiores que os dos jogos predecessores e melhorias no diálogo, novos meios de exploração e movimentação e na interatividade, o Ultima IV foi geralmente muito bem recebido pela crítica, inclusive ganhando prêmios e títulos, e pelo mercado.

O sucesso do título é certamente refletido nas várias plataformas, inclusive algumas delas bem improváveis, que receberam ports do Ultima IV: Quest of the Avatar, como o Commodore 64 (1985), Atari 8-bit (1986), Atari ST (1987), MS-DOS (1987), MSX (1987), FM-7 (1987), PC-88 (1987), PC-98 (1987), Sharp X1 (1987), Sharp X68000 (1988), Amiga (1988), NES (1990), Master System (1990), FM Towns (1992), Windows (2011), Macintosh (2012) e iOS (2013).

Vídeo

Acima, temos mais de 6 horas de jogatina da versão original de DOS do Ultima IV: Quest of the Avatar feita e narrada por um canal gringo.

Sinopse do enredo

A tríade do mal de Mondain, Minax e o Êxodo infernal foram vencidos, e a paz reina através de Britannia, o novo mundo que surgiu depois do cataclismo de Sosaria, quando continentes surgiram e afundaram e novas cidades foram construídas, anunciando o advento de uma civilização que, sob o comando do monarca benevolente chamado Lord British, é totalmente renovada.

Mas o mal ainda abunda, mesmo que em bolsões isolados e nos corações dos homens. Uma nova era aguarda a chegada de alguém que pode vencer a impiedade em todas as fronteiras através do domínio da magia e do uso da força. Demônios, dragões e bruxos mortos há tempos ainda assolam o campo e devem ser destruídos.

O aventureiro no caminho do Avatar enfrentará grupos hostis compostos de vários tipos de inimigos e sobreviverá a tais encontros apenas se fizer o melhor uso de armas e outros elementos do combate. Vitórias sobre probabilidades aparentemente impossíveis levam ao conflito final, onde o desafio definitivo – o eu – aguarda.

Gameplay

O Ultima IV é um jogo de mundo aberto onde a maioria das quests podem ser completadas em qualquer ordem, sendo que estas nunca são daquelas onde você tem que recolher um certo número de itens etc. Apesar de ser baseado em turnos, o relógio enquanto o jogo estiver rodando, podendo os monstros e outros NPCs agirem mesmo que o jogador fique parado. O tempo é um aspecto importante neste game, visto que algumas ações só são possíveis em horas determinadas.

O mundo de Britannia é introduzido em Ultima 4 por completo, e o mapa do mundo na série não muda muito nos games posteriores. O jogador pode viajar por Britannia a pé, a cavalo, através do mar em um navio ou de avião em um “dispositivo mais leve que o ar”. A velocidade e a facilidade de deslocamento são afetadas pelo modo como isto é feito, bem como pelo terreno e pelo vento.

Em vez de simplesmente escolher estatísticas para atribuir pontos aos seus personagens, como nos três primeiros Ultima, os jogadores em Quest of the Avatar são questionados em vários dilemas éticos por um vidente cigano usando cartas remotamente parecidas com tarô. Essas situações não têm uma solução correta, mas servem para classificar as Oito Virtudes, e o que for considerado sua prioridade mais alta determinará o tipo de personagem criado. Por exemplo, escolher Compassion cria um Bardo, Honor um Paladino, Sacrifice um Tinker e assim por diante. Esse esquema das virtudes coloca o jogador em busca de se tornar um Avatar, um modelo para as pessoas, o que também contrasta com outros games do gênero que envolvem buildar um personagem para encarar um chefão poderoso no final.

Este também é o primeiro Ultima onde jogar como um humano é necessário, eliminando outras raças, como elfos, anões e “bobbits” encontrados nos games anteriores, quando podiam ser pelo menos escolhidos como personagens jogáveis.

Embora cada profissão incorpore uma virtude particular, para se tornar um Avatar, o jogador deve atingir a iluminação em todas as oito. A virtude afeta como os NPCs interagem com o jogador, e a iluminação é alcançada através das ações, bem como através da meditação em santuários, os quais estão espalhados pela Britannia e exigem que o jogador possua a runa da Virtude correspondente para que se permita a entrada.

Por meio da meditação e da repetição correta do mantra da Virtude três vezes no santuário, o jogador obtém o insight e, por fim, a iluminação. O vidente Hawkwind no castelo de Lord British fornece ao jogador feedback sobre seu progresso, oferecendo conselhos para ações que irão melhorar sua posição em cada uma das Oito Virtudes, informando-o quando seus personagens estão prontos para visitar um santuário ou castigo caso se desviem “muito do caminho do Avatar”.

Um jogador pode ser encorajado a dar esmolas aos pobres para melhorar seu Sacrifice ou Compassion, ou nunca fugir da batalha para melhorar a Honor. Ele será igualmente capaz de diminuir sua virtude por suas ações, como selecionar uma resposta arrogante para se gabar em um diálogo, o que diminui a Humility. Embora a maioria das ações tenha um efeito menor no progresso de uma Virtude, algumas podem ter um efeito imediato e devastador no progresso de um jogador em múltiplas Virtudes.

Tecnicamente, o jogo é muito semelhante ao Ultima III: Exodus, embora, como dito acima, muito maior. Também, é o primeiro Ultima a apresentar um sistema de conversação real: enquanto os NPCs dos títulos anteriores tinham apenas respostas fixas, agora podem interagir com os jogadores, os quais podem puxar assuntos como nome, trabalho, saúde ou referentes a informações obtidas de respostas anteriores ou de outros personagens. Muitas missões secundárias são organizadas em torno disso. Como as respostas às perguntas não mudam em novas partidas, sabê-las de antemão pode poupar tempo. Em pelo menos um caso, por exemplo, é perguntado a um jogador “quem o enviou?”, o que pode exigir mais uma viagem de ida e volta entre as cidades.

Uma outra novidade são as salas de calabouço, áreas únicas de combate que suplementam as batalhas padrão contra inimigos que aparecem aleatoriamente.

Virtudes

Como deve ter ficado claro na sessão anterior, as Oito Virtudes do Avatar são um componente extremamente importante do gameplay do Ultima IV: Quest for the Avatar. As suas relações com os Três Princípios da Verdade, Amor e Coragem seguem abaixo:

  • Honesty (Honestidade): Truth (Verdade)
    Ao comprar mercadorias de comerciantes cegos, o jogador deve inserir a quantidade de ouro que deseja pagar. Se pagar menos do que o comerciante pediu, isso marcará o jogador como desonesto. Roubar ouro de baús em cidades, vilas e castelos também causam penalizações. Esta virtude é personificada por Mariah the Mage.
  • Compassion (Compaixão): Love (Amor)
    Ao usar o assunto de conversa Give, um jogador pode dar esmolas aos mendigos, um ato de Compaixão. Esta virtude é personificada por Iolo the Bard.
  • Valor: Courage (Coragem)
    Coragem é exibida quando o jogador derrota os inimigos em combate sem fugir de forma covarde. Isso significa que quando a retirada é necessária, o jogador deve ser o último membro do grupo a deixar o campo de batalha. Esta virtude é personificada por Geoffrey the Fighter.
  • Justice (Justiça): Truth e Love
    Nem todas as criaturas hostis de Britannia são más e o jogador deve evitar ataques não provocados àquelas que não o são. Se atacado, deve afastá-los em vez de matá-los. Das Oito Virtudes, esta requer mais sutileza para incorporar e é um exemplo particularmente bom de como equilibrar dilemas éticos. Esta virtude é personificada por Jaana the Druid.
  • Sacrifice (Sacrifício): Love e Courage
    Se o jogador for para um local de cura com boa saúde, pode fazer uma doação de sangue e sacrificar parte da saúde ao fazê-lo. Ajudar os outros a se retirarem da batalha e perder pontos de Valor é outra maneira de aumentar o Sacrifice. Essa virtude é personificada por Julia the Tinker que, no NES, foi substituída por um personagem masculino chamado Julius.
  • Honor (Honra): Truth e Courage
    Ao encontrar itens sagrados e explorar masmorras, o jogador demonstra Honor. Esta virtude é incorporada por Dupre the Paladin.
  • Spirituality (Espiritualidade): Truth, Love e Courage
    Meditar em santuários, consultar o vidente e alcançar a iluminação nas outras virtudes aumenta a espiritualidade do jogador. Esta virtude é personificada por Shamino the Ranger.
  • Humility (Humildade): nenhuma, mas é considerada a mãe de todas as Virtudes.
    O jogador demonstra Humility durante as conversas. Uma resposta arrogante a uma pergunta resulta em uma penalidade, enquanto uma resposta humilde resulta em um bônus. Esta virtude é personificada por Katrina the Shepperd.

Apresentação do jogo

Prepare-se para uma grande aventura! Ultima IV, dezesseis vezes maior que Ultima III, é um marco nos jogos de computador. Lord British produziu um game para desafiar não apenas suas habilidades físicas e mentais, mas a verdadeira estrutura de seu personagem.

Destaques segundo o distribuidor

  • Indiscutivelmente o título responsável por tornar Ultima uma série lendária e o primeiro RPG a quebrar o clichê “mate o bandido e salve o mundo”.
  • Um título revolucionário com uma história tão profunda e complexa que deveria ser ensinada nas escolas.
  • Muitas horas de aventura verdadeiramente épica no vasto e diversificado mundo de Sosaria, agora Britannia.

Curiosidades

  • Richard Garriott, designer do Ultima IV e criador da série, disse em uma entrevista em 1986 (cedida à Computer Gaming World em sua edição 26) que ele estava trabalhando em ambos Ultima IV: Part 2 e Ultima V, mas apenas o Ultima V vingou.
  • Parece que nessa mesma entrevista, Garriot disse que o jogo foi rushado para sair no Natal e, por isso, o período de testes do mesmo foi curto. De fato, ele foi o único que zerou o Quest for the Avatar antes de ser lançado.
  • Em meados de 1989, o Ultima IV já havia vendido mais de 400.000 cópias, um número considerável para a época.
  • Originalmente, um certificado de completação podia ser obtido depois de zerar o game.
  • A Electronic Arts liberou o jogo como freeware em 2011 para promover o Ultima Forever: Quest for the Avatar, um jogo online free-to-play e multiplataforma da série. Parece que o Ultima Forever flopou, mas a partir daí deste relançamento que surgiram as versões modernas de Mac e Windows do GOG do Ultima IV: Quest of the Avatar.
  • Algumas fontes citam a data de lançamento do Ultima IV como 16 de setembro de 1985.
  • As caixas originais do Ultima IV incluíam um ankh de metal.
  • Alguns dos habitantes de cidades em Ultima IV têm os mesmos nomes de figuras históricas famosas, mas pode ser que sejam suas representações no jogo. Por exemplo, em uma das cidades, você conhece um homem chamado Shakespeare. Em outra, tem uma cara que se parece com um filósofo, e quando você pergunta seu nome, ele diz: “I am Buddha” (“Eu sou Buda”).
  • A versão de Master System foi o único Ultima lançado para uma plataforma da Sega.

Remakes e patches

  • O xu4 é uma recriação multiplataforma do engine do Ultima IV em desenvolvimento para Dreamcast, Linux, Mac OS X, RISC OS e Windows.
  • Consta que dois outros remakes usam o motor do Neverwinter Nights, os mods Avatarship e Ultima IV Reborn.
  • Uma versão online também foi feita em Flash, mas, em março de 2011, a Electronic Arts enviou um aviso DMCA “cesse e desista” (🤦‍♂️) para este fangame.
  • Em 2015, um projeto de remasterização feito por um fã para a versão Commodore 64 do jogo foi lançado com o código-fonte no GitHub, corrigindo bugs e melhorando outros aspectos desta versão do Ultima IV.
  • Houve ainda uma tentativa fracassada de refazer o Ultima IV: Quest of the Avatar organizada por um cara chamado Jaakko Peltonen em 2001. O remake deveria usar um engine atualizado, gráficos isométricos e trilhas sonoras sinfônicas, mas o projeto foi abandonado três anos depois.
  • Aradindae Dragon e Wiltshire Dragon, membros do Ultima Dragons Internet Chapter, criaram o The Moongates Ultima IV Annex, um patch de update para o Ultima IV, adicionando gráficos de 256 cores, música MIDI e outras correções.

Screenshots

As screenshots acima foram tiradas da versão do GOG do jogo, que é a do MS-DOS rodando com algumas adaptações no DOSBox.

Sobre o download

O nosso link para download do Ultima IV: Quest of the Avatar leva ao jogo no GOG, o qual já está pronto para rodar em sistemas operacionais modernos (Windows e Mac) e é totalmente grátis. Além dessas conveniências, o jogo ainda vem com manual, mapa, livro de dicas, livro de magias, entrevista com o criador do game e cartões de referências.

Como o de costume no GOG, o jogo não tem DRM e conta com a opção de baixar e instalar sem a necessidade de cliente.

Idiomas: inglês.

Requerimentos mínimos em sistema

Mais Ultima

site ou autor do arquivo Origin Systems tamanho do arquivo 13 MB licencaGrátis sistemas operacionais compativeisWindows e Mac download link Download

Observação: se você gostou deste post ou ele lhe foi útil de alguma forma, por favor considere apoiar financeiramente a Gaming Room. Fico feliz só de ajudar, mas a contribuição do visitante é muito importante para que este site continua existindo e para que eu possa continuar provendo este tipo de conteúdo e melhorar cada vez mais. Clique aqui e saiba como. Obrigado!

Deixe um comentário

Inscreva-se na nossa newsletter!