Might and Magic 2

28 de fevereiro de 2012

Might and Magic Book Two, ou na versão para Mega Drive (Genesis), Might and Magic: Gates to Another World é um role playing videogame desenvolvido pela New World Computing e lançado pela mesma firma em 1988.

Este é um dos meus games preferidos, embora a primeira impressão que tive foi que ele era uma porcaria, pois é o tipo do jogo que quem está de fora não entende nada. Só depois que o sujeito faz sua trupe de personagens, entra na cidade de Middlegate e começa a atuar no mundo é que ele começa a gostar, vendo o tão complexo, rico, extenso e bacana que este game é, mesmo para os padrões de hoje.

No início, me lembrou um pouco o Phantasy Star, por causa das suas cenas de combate. O fato de ter essa semelhança me interessou bastante por si só, mas também tem aquelas paradas de magia, de ataque, labirintos, cavernas etc.

Mas as diferenças param por aí. Enquanto você se movimenta, ao contrário do PS, continua a perspectiva em primeira pessoa, um “3D falso”. Também, o tempo que você leva pra zerar um Phantasy Star, você pode multiplicar umas 10 ou 20 vezes pra terminar um Might & Magic, principalmente este. Como todos os games da série, o gameplay é não linear, ou seja, você pode fazer várias quests ou missões na ordem que quiser, de várias formas diferentes e, mesmo assim, terminar o jogo. Claro que algumas buscas e desafios do game exigem que você esteja forte o suficiente para completá-los. Ah, e é legal também que muitas vezes você se considera muito poderoso, mas acaba encontrando algum monstro que vai matar seu grupo com uma ou duas ações. Este aspecto me faz lembrar um pouco os RPGs de mesa, como o Dungeons & Dragons e tantos outros.

Como o jogo é muito longo, tem muita coisa pra fazer e explorar. Existe uma infinidade de itens, muitas armas (mais de 250), monstros (mais de 250 também), magias (96), 8 classes (Knight, Paladin, Archer, Cleric, Sorcerer, Robber, Ninja, Barbarian), cada uma com especialidades diferentes, sem contar os mapas e terrenos diferentes.

Estas características citadas acima, tudo num clima clássico de fantasia medieval (apesar que existem naves, robôs e armas futuristas, na história e no game, mas estes não aparecem muito frequentemente) fazem o Might and Magic 2 ser tão legal. As vezes, explorar os mapas e apenas evoluir seus personagens e tornando-os cada vez mais poderosos, é muito massa por si só.

O game teve como designer o épico Jon Van Caneghem, mente por trás dos épicos games desta série, e sua esposa, Michaela Van Caneghem. O casal fez um belo trabalho. Não é à toa que o Might and Magic 2 foi um dos primeiros Hall of Famers do nosso site, sendo um dos games que mais jogamos e mais nos inspirou nesta empreitada.

Vídeos

Já publicamos este vídeo no site, mas vamos utilizá-lo de novo, para ilustrar o gameplay do MM2 nesta publicação, também:

Abaixo temos o unboxing do cartucho original do Mega Drive:

E, a seguir, uma playlist com todos os nossos vídeos deste game:

Screenshots e imagens

A maioria das screenshots abaixo são da versão do Mega Drive e várias possuem, inclusive, algumas localizações do jogo, como inimigos ou magias. Tem algumas screens da versão do PC e do SNES também. Ah, uma das imagens é o mapa do mundo de Cron.

Enredo

Após os acontecimentos do Might and Magic Book One: The Secret of the Inner Sanctum, o primeiro game da série, os aventureiros que ajudaram Corak derrotar Sheltem em Varn pegam o “Gates to Another World” (Portal para outro mundo), localizado em VARN, para a terra de CRON (Central Research Observational Nacelle). A terra do CRON está enfrentando muitos problemas provocados pela invasão de Sheltem e os aventureiros devem explorar este mundo e ajudar Corak a impedir Sheltem de arremessar CRON em direção ao seu Sol.

Só que em CRON o bicho tá pegando… O caos varre a terra, provocando uma bagunça danada entre os seus cidadãos, uma vez amantes da paz. Líderes comunitários respeitados e poderosos estão desaparecendo misteriosamente, a lei e ordem estão sendo rapidamente substituídas pela espada e feitiçaria e os boatos de destruição e morte abundam. Cabe ao grupo de heróis fazer algo quanto a isso e restaurar a ordem em CRON.

Assim, eles vão partir em sua longa missão, explorando florestas sombrias, desertos áridos, tundra gelada, rios selvagens e lagos misteriosos, montanhas traiçoeiras, castelos, cidades sinistras de má reputação, os quatro temidos planos elementais, e, como se não bastasse, quatro planos elementais e viagens no tempo!

Ports

O Might and Magic 2 foi portado para vários sistemas. Além do PC (MS-DOS) e Mega Drive, tem versões para Amiga, Apple II, Mac, C64, FM-7, MSX, NEC PC-8801, NEC PC-9801, Sharp X1, X68000 e Super Nintendo.

Todas nossas publicações relacionadas ao Might and Magic 2

Download

Não existe download gratuito do Might And Magic 2, nem versão demo, trial, shareware etc. Entretanto, achamos um pacote por apenas 6,43 dólares que vem com os seis primeiros jogos da série, o Might and Magic 6-pack: Limited Edition.

Trata-se de um pacote que está sendo distribuído pelo GOG que vem com as versões para PC do Might and Magic Book One: The Secret of the Inner Sanctum, Might and Magic Book Two: Gates to Another World, Might and Magic 3: Isles of Terra, Might and Magic 4: Clouds of Xeen, Might and Magic 5: Darkside of Xeen e o Might and Magic 6: The Mandate of Heaven, já configurados para rodar no Windows (antes do MM6, os games são para o MS-DOS). Como se não bastasse, o pacote inclui também uns bônus: o cartão de referência do M&M VI, os manuais do M&M I-VI (308 páginas), 5 cluebooks do M&M I-V, trilha sonora do M&M VI e IV, 2 avatares e 6 mapas do M&M I-VI.

O Might and Magic 6-pack pode ser baixado aqui!

site ou autor do arquivo New World Computing tamanho do arquivo US$ 6,43 sistemas operacionais compativeisWindows XP/Vista/7 download link Download

Deixe um comentário

  • Inscreva-se na nossa newsletter!

  • Nos siga nas redes sociais!

  • Páginas

  • Áreas especiais

  • eXTReMe Tracker
    Copyright © 2001 - 2018 Gaming Room. Todos os Direitos Reservados - É expressamente proibida a reprodução total ou parcial deste site sem o consentimento dos autores.