Nash’s Gore Mod

28 de fevereiro de 2019
Nash’s Gore Mod

Nash’s Gore Mod é um mod para Doom que adiciona um sistema de sangue e gore a este jogo. Foi desenvolvido pelo Nash, como se pode adivinhar, e é bastante dinâmico.

O Nash’s Gore Mod usa tanto sprites como modelos para funcionar e conta com um menu para configurar vários de seus aspectos, como quantidade e tipo de sangue e gibs, e ativar efeitos diversos, como pegadas ou o esmagamento de cadáveres. Outros destaques do PWAD é que ele é facilmente combinado com qualquer mod e pode também ser usado para criar ou incrementar outros trabalhos.

O Nash’s Gore Mod tem um estilo mais cartunesco ou menos “sério” que o Bolognese Gore Mod, mas isto não é um defeito. Vai do gosto ou da necessidade de cada um. Dependendo do WAD, acho que combina até mais do que aquele banho de molho de tomate do Sergeant Mark IV.

Vídeo

O vídeo acima faz um showcase do Nash’s Gore Mod: Vengeance Edition v0.9 Beta, e tem partes que o mostra combinado com outros PWADs, como o Boom Power Plus Edition, Kriegsland, Flakes Doom e Gambiarra.

Já o vídeo anterior mostra o Nash’s Gore Mod combinado com o Bolognese Gore Mod… Até porque não teria nenhum motivo para não misturar os dois.

Screenshots

Compatibilidade

O mod precisa do GZDoom 3.6.0 ou superior para rodar. Usei-o aqui com os IWADs do Doom II: Hell on Earth, The Ultimate Doom, Final Doom e de ambas as phases do Freedoom. Funciona com tudo isto.

O autor aconselha carregar o Nash’s Gore Mod por último para evitar conflitos com outros WADs. Existe também um patch, cblood.pk3, que faz os Cacodemons, Barons of Hell e Hell Knights terem sangue colorido. Este arquivo está incluído em nosso pacote de download.

Veja mais

site ou autor do arquivo Nash tamanho do arquivo 460 KB licencaGrátis download link Download

Heroes of War

27 de fevereiro de 2019

heroes of warHeroes of War é um jogo online (em Flash) de estratégia baseada em turnos que, só de bater o olho no seu no logotipo, notei a semelhança com os primeiros jogos da série Heroes of Might and Magic. E certamente foi inspirado neles.

O gameplay do Heroes of War também é bastante semelhante ao esquema clássico desta franquia: você controla um herói que recruta exércitos, movimenta no mapa, recolhe 6 tipos de recursos diferentes (minério, madeira, ouro, cristal, mercúrio e gemas) entra em combate. O herói vai ganhando experiência, na medida em que vai lutando e ganhando as batalhas, e ficando mais forte. Alguns gráficos também foram ripados e/ou adaptados.

Claro que o Heroes of War não é um substituto perfeito do HOMM, mas dá pra quebrar o galho em situações impossíveis de jogar os originais, mas diria que precisava de trabalho ainda. Por exemplo, você não pode mudar a posição do mapa pelo minimapa e não tem jeito de recrutar heróis como nos originais.

Enfim, escolha entre quatro tipos de facções: Knights, Vampires, Magicians e Barbarians. Recrute seu exército, explore o mapa e derrote os warlords inimigos!

Clique Aqui Para Jogar

Doom: Flatten Horizon

25 de fevereiro de 2019

Doom Flatten HorizonDoom: Flatten Horizon é um remake e um tributo ao Doom clássico em Flash que conta com perspectiva top-down que conta com 12 missões, 15 monstros diferentes, 12 fases e um super chefão no final.

Enfrente as hordas de demônios e mortos-vivos, controlando o Doomguy com uma ação que lembra o excelente jogo para browsers, SAS: Zombie Assault.

P.S.: Se pensar, contrário também seria interessante: um mod para Doom num mundo sendo dominado exclusivamente pelos zumbis do SAS: Zombie Assault, mas isto é outra história!

Controles

  • Setinhas ou WASD: Movimentar
  • 1 a 8: Seleciona armas
  • Mouse: Mira e atira
  • ESC: Sai do game
  • P: Pausar
  • Tente usar o machado quando possível para economizar munição. É o equivalente ao soco inglês e a serra elétrica neste game.

Clique Aqui Para Jogar

Defenestrando King of the Monsters 2: The Next Thing (1992)

24 de fevereiro de 2019
Defenestrando King of the Monsters 2: The Next Thing (1992)

Assista o gameplay do King of the Monsters 2: The Next Thing sendo comentado pelo canal Defenestrando Jogos em um vídeo que traz muitas informações sobre o jogo, além de suas imagens. É também a principal fonte de informações deste post.

King of the Monsters 2: The Next Thing, também conhecido apenas como King of the Monsters 2 (キング・オブ・ザ・モンスターズ2), é um jogo de luta desenvolvido e lançado pela SNK no dia 25 de maio de 1992 para os fliperamas. Continuação do primeiro King of the Monsters (como você poderia imaginar), traz de volta três dos seus monstros para lutarem contra criaturas gigantescas alienígenas que ameaçam a Terra em várias regiões do planeta. Alguns destes aliens me parecem mais lovecraftianos do que os tradicionais da série.

Este difícil jogo foi portado logo depois para o Super Nintendo e Mega Drive, antes de ser levado para outras plataformas. Segundo dizem, a melhor versão é a do SNES, superior ao arcade pelo fato de manter o que o King of the Monsters 2 tem de bom, mas sem ser papa ficha.

Enredo

Apenas três monstros sobreviveram ao que é conhecido nos livros de história como o massacre do Rei dos Monstros, evento que ocorreu três anos atrás. Eles se tornaram mais avançados e perigosos do que nunca. Mas agora, em 1999, uma poderosa criatura alienígena e sua horda de lacaios ameaçam conquistar a Terra. Os monstros sobreviventes devem derrotar a ameaça alienígena e, mais uma vez, provar quem é o Rei dos Monstros.

Gameplay

Em essência, King of the Monsters 2 retém a aparência e vários elementos de seu predecessor, combinando-os com outros estilos de jogo como beat ’em up. Ou seja, não fica preso só ao esquema de batalhas tipo luta livre, as quais acontecem mais contra os chefões das fases.

Três monstros podem ser escolhidos pelos jogadores (o King of the Monsters 2 pode ser jogado por até duas pessoas ao mesmo tempo): Super Geon, um lagarto gigante; Cyber-Woo um grande macaco robótico, e Atomic Guy, um humano mutante enorme.

King of the Monsters 2 é composto de sete fases, American City followed by French City, Grand Canyon, Desert, Sea Bed, Lava Zone e Enemy Hideout. Algumas estruturas e veículos das fases podem revelar power-ups quando destruídos, e existem dois estágios de bônus. Depois que o(s) jogador(es) vence(m) as primeiras seis fases, eles encaram um boss rush antes de encarar o chefão final do game. Depois que este é derrotado, os seus fragmentos devem ser destruídos dentro de um limite de tempo. Se os jogadores falharem nisso, vai aparecer o final ruim ao invés do bom.

Chefões

  1. Huge Frogger: Um enorme monstro sapo humanóide com uma cabeça de metal;
  2. Eifflelyte: Um gigante usando uma tanguinha com uma bolha parasita presa à cabeça;
  3. Clawhead: Um monstro de duas cabeças que anda de trás pra frente;
  4. Beetle Master: Um insetóide gigante com o cérebro exposto e coberto por um domo;
  5. Aqua Slug: Um caracol aquático gigante. No SNES ele foi renomeado para Sack Eyes;
  6. Lavicus: Uma criatura gigantesca parecida com um gremlin, com uma boca enorme e um apêndice bocal crescendo fora de sua cabeça, os quais soltam ovos que eclodem em monstros lacaios;
  7. Famardy: Uma bolha massiva com com múltiplos olhos e um organismo parecido com feto como se fosse língua.

Curiosidades

  • A versão do jogo para Mega Drive conta fom 3 cidades extras: Kyoto, Tóquio e Osaka;
  • Cyber-Woo, Super Geon e Atomic Guy apareceram em NeoGeo Battle Coliseum, um jogo de luta de 2005 que conta com muitos personagens populares da empresa. Esses personagens também apareceram como cartas de personagens no jogo SNK vs Capcom: Card Fighters DS;
  • O port de Nintendo Switch possui dois recursos extras: o High Score Mode e o Caravan Mode.

Ports

Todos os ports do King of the Monsters 2 que se tem notícia são:

  • Neo Geo AES (19 de junho de 1992);
  • Super Famicom (22 de dezembro de 1993);
  • Super NES (junho de 1994);
  • Neo Geo CD (9 de setembro de 1994); Mega Drive/Genesis (1994);
  • Wii [Virtual Console] (12 de abril de 2011);
  • Switch (22 de novembro de 2018);
  • PlayStation 4 (22 de novembro de 2018);
  • Xbox One (22 de novembro de 2018).

Dados técnicos e equipe

  • Hardware: SNK “Neo-Geo MVS”;
  • ID: NGM-039;
  • Jogadores: 2 jogadores – 4 botões por jogador (2 usáveis);
  • Controle de 8 direções;
  • Botão [A] Soco;
  • Botão [B] Chute;
  • Botão [C] Salto;
  • Direção e planejamento: Hamachi Papa;
  • Designer chefe: Mitsuzo (Mitsuzou);
  • Design dos personagens principais: Abe, Taka, Pan, Ponda, Ahokamen;
  • Design do rolamento principal: Sakai Goma, Manoru;
  • Subdesigners: Kilitao, Bob Fukumizu;
  • Programador principal: Magi2;
  • Subprogramadores: Hiroshi & Tadashi, Nishiura, Cyber Kondo, Atomic Abe;
  • Designers de música: Tarkun, Toshio Shimizm (Shimizum), Jojoha Kitapy, Team C2H5OH;
  • Produção: Kawano
  • Produção executiva: Eikichi Kawasaki

Veja também

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Retroid Reloaded

23 de fevereiro de 2019
Retroid Reloaded

Retroid Reloaded é um shoot ’em up acelerado, espacial e com perspectiva top-down onde você vai encarar os inimigos e combater os quatro chefões em uma arena 3D. Você também vai recolher moedas para comprar upgrades, armaduras, habilidades e melhores armas para a sua nave.

Descubra como vencer os chefões, destravar o poder de fogo ilimitado da sua nave e limpar todas as arenas para vencer!

Divirta-se!

Controles

  • WASD: Controla a nave
  • Mouse: Mira e atira
  • Space Bar: Atira
  • Q e E: Troca de armas

Clique Aqui Para Jogar

Quake Champions

22 de fevereiro de 2019
Quake Champions

Quake Champions é um jogo de tiro em primeira pessoa multiplayer desenvolvido pela id Software e lançado pela Bethesda Softworks no dia 22 de agosto de 2017, trazendo um sistema de campeões, personagens com diferentes atributos e habilidades, numa tentativa de pegar o vácuo no grande sucesso do Overwatch, um shooter da Blizzard lançado um ano antes.

Parte da clássica série de FPS da id e desenvolvido com um engine híbrido feito com o id Tech e o Saber Tech (da Saber Interactive), o Quake Champions teve como proposta mesclar o mundo sombrio do primeiro Quake à experiência consagrada multiplayer do Quake III Arena, ampliando seu esquema de personagens com os campeões supracitados. Ele traz também diferentes modos de jogo e sistemas comuns em games contemporâneos, como achievements (medalhas), ranqueamento e bobagens tipo decals etc.

Leia mais sobre o Quake Champions, veja vídeos, screenshots e obtenha mais informações!

site ou autor do arquivo id Software tamanho do arquivo 20 GB licencaFree-to-play sistemas operacionais compativeisWindows 7/8/10 download link Download

Experimentando o QC:DE v2.1 pela primeira vez [Gaming DooM 20]

21 de fevereiro de 2019
Experimentando o QC:DE v2.1 pela primeira vez [Gaming DooM 20]

No 20º episódio da Gaming DooM, nossa série de vídeos narrados a respeito do FPS da id Software, temos o Facínora experimentando o QC:DE v2.1 pela primeira vez e tentando fazer unas considerações sobre esta nova versão do mod do DBThanatos e Michaelis.

O vídeo foi gravado de maneira bem casual e quase sem edição, e ficou tipo uma live. O Facínora prometeu fazer um outro mais minucioso a respeito deste excelente mod de Quake Champions para Doom, mas, por enquanto, fiquemos com este mesmo. Nele, o Facínora mostrou o novo campeão, o Sam, do Serious Sam, e, pelo menos, um dos novos mapas, o Almost Lost, criado pelo Rooster e disponível no arquivo QCDEmaps2.1.pk3 do pacote completo do Quake Champions: Doom Edition.

Pelo o visto, o mod continua excelente, acelerado e frenético, tanto que nem deu pra concentrar muito pra fazer os comentários ao mesmo tempo que se jogava. Além disto, o Sam ficou um campeão bem decente, mesmo que não seja ainda o DoomSlayer.

Mais referências

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Cursed Treasure

21 de fevereiro de 2019

cursed treasureCursed Treasure é mais um jogo de estratégia/tower defense no estilo de GemCraft e vários outros para browsers. Aqui, o jogador tem que proteger as gemas dos heróis que tentam roubá-las. Ou seja, você vai controlar as forças das trevas contra os ‘bonzinhos’.

Para isto, você contará com três naturezas de construções diferentes: Orcs, Undeads e Demons, sendo que cada uma vai evoluindo a medida em que se ganha experiência, podendo apenas ser contruída em seu tipo de terreno.

Se você gosta do gênero, pode experimentar o Cursed Treasure que é divertido.

Clique Aqui Para Jogar

Quake III Arena

19 de fevereiro de 2019
Quake III Arena

Quake III Arena é o terceiro jogo da icônica franquia de jogos de tiro em primeira pessoa da id Software e o primeiro totalmente focado no combate no estilo arena, especialmente multiplayer. Com versões para Windows, Linux, Mac, Dreamcast, PlayStation 2, Xbox 360 e iOS, o Quake III é um dos títulos de maior sucesso da firma, tanto de vendas quanto de crítica, sendo um dos nomes mais famosos do gênero.

Lançado em 2 de dezembro de 1999 pela Activision, o Quake III Arena é notável pelo sua jogabilidade fantástica, design minimalista em prol de apenas funcionalidades realmente importantes, qualidade de texturas e modelos 3D, a enorme flexibilidade para personalizar as configurações e os personagens e por imortalizar elementos que consagraram a série, como strafe-jumping e rocket-jumping.

Leia mais sobre o Quake III Arena, obtendo mais informações, vídeos, screenshots etc.

site ou autor do arquivo id Software tamanho do arquivo 879 MB licencaUS$ 14,99 sistemas operacionais compativeisWindows XP/Vista/7/8/10) download link Download

Atraso no lançamento do SIGIL, o novo episódio do Doom de John Romero

18 de fevereiro de 2019
Atraso no lançamento do SIGIL, o novo episódio do Doom de John Romero

O atraso no lançamento do SIGIL, o novo episódio do Doom que está sendo criado pelo John Romero, vai atrasar, segundo o próprio. Citando problemas na produção e buscando deixar tudo nos trinques pros fãs, Romero em pessoa disse que o lançamento tanto dos boxes quanto da versão grátis do novo WAD irão atrasar e devem ser lançados em abril ao invés de fevereiro [1], data anunciada anteriormente.

Atualização: O SIGIL foi lançado dia 31 de maio de 2019. Divirta-se!

Nós já falamos um pouco do SIGIL, o sucessor espiritual da quarta missão do The Ultimate Doom nas Notícias do Facínora 42 e abordamos esta notícia do seu atraso na 46ª edição deste nosso programa jornalístico, que também falou sobre o atraso do PlanetSide Arena, mais uma tentativa de chupinhar popularidade dos jogos battle royales [2], e os lançamentos de novas versões de mods para Doom, o Quake Champions: Doom Edition v2.1 e o Hokuto no Doom: 19XX Edition:

O gameplay do vídeo foi o da primeira vez que o Facínora jogou o Quake Champions.

Saiba mais e fontes

  1. SIGIL Update – John Romero – February 16, 2019 – Post onde o John Romero fala sobre a parada lá.
  2. PlanetSide Arena delayed again, pre-orders refunded – Na PC Gamer.
  • Inscreva-se na nossa newsletter!

  • Nos siga nas redes sociais!

  • Páginas

  • Áreas especiais

  • Categorias

  • Parceiros

  • eXTReMe Tracker
    Copyright © 2001 - 2019 Gaming Room - Powered by Facínora!