Principais Atualizações

Sydney Finds Employment [Adventure Retrô]

7 de julho de 2018
Sydney Finds Employment [Adventure Retrô]

Sydney Finds Employment é um adventure estilo retrô independente desenvolvido por Ivan Dixon e lançado no dia 28 de dezembro de 2018 onde você tem que ajudar um mendigo porcalhão a combater uma massiva conspiração governamental. Sydney Finds Employment foi desenvolvido usando o AGS Engine, um motor especializado para criação de jogos do gênero.

Com recursos gráficos bem nostálgicos, trilha sonora original e elementos engraçados, Sydney Finds Employment combina bom humor com quebra-cabeças desafiadores que podem fazer o jogador gastar algumas horas antes de chegar ao final hilário do game.

Atenção: Sydney Finds Employment é um jogo com tema maduro, não sendo recomendado para crianças.

Screenshots

Enredo

Sydney Claywood é um vagabundo cujo lar consiste em uma lixeira em um beco. Um dia, quando ele acorda, ele fica sabendo que os partidos políticos, grandes empresas, a mídia e algumas igrejas estão trabalhando juntas para se livrar todos os desempregados e mendigo. Para evitar isso, ele precisa se familiarizar com a vida das pessoas empregadas e encontrar uma maneira de conversar com quem está por trás do plano.

Gameplay

Sydney Finds Employment é um adventure onde o jogador controla Sydney, controlando-o para executar comandos como andar a pé, examinar, pegar, falar etc. Itens podem ser armazenados na mochila de Sydney e podem ser combinados ou examinados de perto no inventário. Muitas pessoas vão fugir de Sydney por causa de sua aparência, então ele precisará de se apresentar melhor, arrumando uma gravata, sapatos e um terno decente para entrar no coração das corporações.

Saiba mais

site ou autor do arquivo Ivan Dixon tamanho do arquivo 10,73 MB licencaFreeware sistemas operacionais compativeisWindows download link Download

Lasting Light

4 de julho de 2018
Lasting Light

Lasting Light é um mod de terror para Doom criado pelo Ral22 inspirado no Slender que deixa os mapas absolutamente escuros e dá ao jogador nada além de uma lanterna a óleo para carregar, cuja chama ainda se extingue com o fim de seu combustível.

Em Lasting Light, existem três tipos de monstros que são indestrutíveis e podem aparecer a qualquer momento, o que, somado à atmosfera extremamente sombria do mod, é potencial causa de jump scares. O jogador pode atirar as latas de óleo para ativar switches que precisam ser alvejadas, mas são inúteis contra os inimigos.

Definitivamente, não é o meu tipo de PWAD, mas eu achei o conceito interessante e o modo como foi implementado muito inteligente.

Vídeo

Monstros

Os três monstros do Lasting Light são:

  • Screecher: um monstro sem face parecido com uma estátua que você não pode ficar olhando pra ele;
  • Creeper: uma criatura geralmente passiva, mas que pode matar o jogador instantaneamente por causa da luz;
  • Stalker: uma baranga psicótica que vai te perseguir se ela te ver e te matar se você não der o perdido nela.

Tem informações mais detalhadas a respeito dos monstros e sobre o mod em geral num TXT que vem com ele.

Screenshots

Níveis de dificuldade

O Lasting Light também conta com dois níveis de dificuldade: o Easy, onde você tem cinco chances de escapar do Screecher e ele vai te esquecer se você entrar em outra área (ou mapa); e o Hard, onde você tem 10 chances para escapar do bicho, mas ele vai aparecer mais e entrar em outra área não irá acalmá-lo. Em ambos níveis de dificuldade, você recarrega health ao entrar em uma nova área.

Compatibilidade

Rodei o Lasting Light aqui no GZDoom (1.8.2, 3.3.2 e 3.4.1) e no Zandronum 3.0, com os IWADs do Doom II: Hell on Earth, The Ultimate Doom, Final Doom e de ambas as phases do Freedoom. Parece que o PWAD rodou de boa com tudo isto.

Saiba mais

  • Lasting Light V4.1 – Página do PWAD no Mod DB, com mais informações e mirrors para download.
  • Mod recomendado pelo Brambila e pelo Richard.
site ou autor do arquivo Ral22 tamanho do arquivo 44,32 MB licencaGrátis download link Download

BinB

4 de julho de 2018
BinB

BinB é um jogo em Flash muito interessante tipo Bomberman,que mistura a excelente fórmula deste consagrado título com elementos de adventure. Além de colocar as bombas estrategicamente, você recolhe e usa itens, pega tesouros e vai avançando no game, ao limpar cada nível. Além disto, o pixel art usado para os gráficos, deixam o jogo com um ar retrô digno dos jogos antigos e clássicos que gostamos tanto!

Limpe os calabouços de monstros e ache as escadas para completar a fase. Será que você consegue recuperar o misterioso Graal? Boa sorte e exploda algumas coisas!

Controles

  • Shift ou X: Usa itens
  • +- : Volume
  • Barra de Espaço ou Z: Usa bombas
  • WASD ou Setinhas: Andar
  • P: Pausar
  • R: Restart
  • ESC: Sair pra menu

Clique Aqui Para Jogar

Fedora Spade: Adventure retrô que lembra Carmen Sandiego

3 de julho de 2018
Fedora Spade: Adventure retrô que lembra Carmen Sandiego

Fedora Spade é um adventure retrô que lembra a antiga série Carmen Sandiego que foi desenvolvido independente pelo Hardi “Orchard-L” Gosal e teve o primeiro dos seus quatro capítulos lançado em junho de 2007. O jogo conta com tema adulto e uma boa dose de humor, sendo recomendado para um público mais maduro.

Os episódios da série contém enredos distintos, mas centram em torno do detetive Fedora Spade, o protagonista. Ele tem que investigar e resolver casos que variam deste tipo esses nóias que ficam mijando aí na sua rua até atiradores de elite de alta periculosidade.

O jogo conta com gráficos, recursos e estilo bem ao estilo dos títulos do gênero para PC do fim dos anos 80 ou início dos anos 90 mesmo, sendo bem nostálgico e tal. Também apresenta trilha sonora original composta pelo Setu Firestorm. Outra coisa interessante a respeito do Fedora Spade é que ele foi criado usando Tomato Engine, motor de jogos programado pelo Paul “RinkuHero” Eres no Game Maker.

O Fedora Spade é totalmente freeware, e você pode baixar todos os seus quatro capítulos aqui, além de lambuja a trilha sonora completa que está no pacote de download do game.

Vídeo

Saiba mais

  • Fedora Spade – Publicação do jogo no nosso site parceiro Download Grátis, com mais informações, screenshots, controles etc.
site ou autor do arquivo Hardi "Orchard-L" Gosal tamanho do arquivo 26,5 MB licencaFreeware download link Download

Big Shaq SFX

2 de julho de 2018
Big Shaq SFX

Big Shaq Weapon SFX é um mod pra Doom II criado pelo Zombieman115 que substitui os efeitos sonoros das armas do icônico jogo de tiro em primeira pessoa pela voz do Big Shaq, personagem interpretado por Michael Dapaah no mocumentário SWIL (Somewhere in London).

O Big Shaq Weapon SFX também troca a trilha sonora do Mapa 01, mas não faz muito mais do que isso, sendo algo mais destinado a ser engraçado ou um meme do que um mod pra ser jogado a sério. Em outras palavras, pode ser considerado um joke WAD.

Vídeos


O vídeo acima é o showcase do Big Shaq SFX feito no nosso estilo tradicional.

Exibir spoiler: Mais vídeos

Compatibilidade

Rodei o Big Shaq Weapon SFX aqui no GZDoom (1.8.2, 2.4 e 3.4.1), ZDoom 2.8.1 e no Zandronum (2.0 e 3.0). Ele funciona com qualquer IWAD do Doom e do Freedoom, mas só vai ter a BGM nova se for jogado com algum que tenha a estrutura do DOOM2.WAD (Doom II, os do Final Doom e o da phase 2 do Freedoom).

Saiba mais

site ou autor do arquivo Zombieman115 tamanho do arquivo 6,20 MB licencaGrátis download link Download

Defenestrando Marvel Super Heroes (1995)

1 de julho de 2018
Defenestrando Marvel Super Heroes (1995)

A jogatina deste domingo vai ser de um importante título dos jogos de luta de meados dos anos 90, o Marvel vs Capcom, cujo gameplay podemos assistir em mais um episódio do Fliperama Nostálgico, do canal Defenestrando Jogos.

O vídeo, além de ser informativo e ser bem humorado, é uma boa alternativa à porcariada televisiva que é exibida hoje. Nós utilizamos alguns dos dados e informações que ele partilha conosco para montar este post.

Marvel Super Heroes (マーヴル・スーパーヒーローズ) é um jogo de luta desenvolvido e lançado pela Cacpom originalmente para os fliperamas japoneses, no sistema CPS-2, em outubro de 1995. O jogo é vagamente baseado no enredo da saga Desafio Infinito (Infinity Gauntlet) da Marvel, trazendo vários heróis e vilões deste universo caindo na porrada.

Marvel Super Heroes é segundo jogo de luta competitiva da Marvel criado pela Capcom, sendo antecedido pelo X-Men: Children of the Atom. Trata-se também de um título extremamente seminal, abrindo o caminho para a popular franquia Marvel vs. Capcom e inspirando fangames como o Marvel Super Heroes – Melee Edition.

O jogo foi portado em 1997 para o Saturn, PlayStation e PlayStation 3 (na coletânea Marvel vs. Capcom Origins). Ele também ganhou uma versão pro XBox One em 26 de setembro de 2012.

Enredo

Heróis e vilões irão se combater pelas Joias do Infinito e provarem seu valor até enfrentarem Thanos, que planeta usar estes poderosos artefatos para dominar o universo.

Gameplay

O objetivo do jogo é usar ataques e habilidades especiais para derrubar o oponente ou terminar os rounds com mais vida do que ele, no esquema tradicional dos jogos de luta consagrado em outros títulos, com de melhor de três rounds etc.

Existe um super medidor que vai se acumulando até permitir usar os poderosos ataques Infinity Combo. Uma mecânica única no Marvel Super Heroes são as Infinity Gems; Poder, Tempo, Espaço, Realidade, Alma e Mente. Estas podem obtidas quando dropadas dos oponentes no modo arcade ou cumprindo certos critérios durante o modo versus, como obter o primeiro hit. Ao usar essas gemas na batalha, os lutadores recebem efeitos aprimorados por um curto período de tempo, como maior poder ou defesa, recuperação de saúde ou ataques adicionais. Certos lutadores receberão benefícios extras enquanto usam certas gemas: por exemplo, se o Spider-Man usar a Power Gem, ele cria um clone seu no lado oposto de seu oponente para causar dano extra durante seus ataques. Saiba mais sobre as melhores gemas para cada personagem aqui!

Cada Gema do Infinito tem um poder distinto:

  • Time – Aumenta velocidade;
  • Power – Duplica o poder de ataque;
  • Space – Aumenta a resistência a golpes;
  • Reality – Faz com que o personagem dispare projeteis, dependendo do botão pressionado;
  • Mind – Aumenta a barra de especial;
  • Soul – Aumenta a barra de life.

Curiosidades

  • Este jogo foi dedicado à memória de Jack Kirby, também conhecido como “O Rei dos Quadrinhos” (1917 – 1994), com a arte dos personagens baseada em seus antigos designs. Ele foi o mais influente e respeitado ilustrador e criador de histórias de super-heróis em quadrinhos. Kirby era tão importante que, quando este mercado entrou em recessão, alguns disseram que quando morreu, ele levou a indústria com ele.

Veja também

Clique Aqui Para Assistir Ao Vídeo

Plazma Burst 2

30 de junho de 2018
Plazma Burst 2

Plazma Burst 2 é um jogo de tiro em Flash estilo arena e tactical shooter de rolagem lateral onde você é um fuzileiro espacial que foi enviado para o passado a fim de encontrar uma forma de alterar a história da humanidade e impedir a invasão das Usurpation Forces.

Arrebente com os inimigos e arrume upgrades para o seu guerreiro enquanto você tenta salvar nosso planeta da destruição iminente. Tente achar a máquina do tempo para impedir que os aliens usurpadores invadam a Terra!

Controles

  • WASD: Movimentar
  • Mouse: Mira e atira
  • 1 a 3: Seleciona armas
  • G: Arremessa granadas
  • E: Usa itens
  • Z: Time warp

Veja mais

  • Gameplay do Plazma Burst 2 – O Facínora arriscou e comentou o Plazma Burst 2, neste vídeo que mostra não apenas as considerações que ele fez sobre o jogo, mas também o seu gameplay.

Clique Aqui Para Jogar

Mutant Fighter

29 de junho de 2018
Mutant Fighter

Mutant Fighter é um jogo de luta desenvolvido e lançado pela Data East em 1992 para os fliperamas, embora tenha saído antes, em julho de 1991, no Japão, onde é conhecido como Death Brade (デスブレイド). Trata-se de um game de luta livre com personagens mitológicos, como Hércules, Minotauro, Hidra etc.

O Mutant Fighter, apesar de conter bons recursos gráficos e sonoros e divertidos golpes baseados em telecatch, além de outros elementos interessantes, não prima pela jogabilidade, sendo um button masher que não depende tanto de habilidade, mas de quão rápido o jogador pressiona os controles. Entretanto, ele ainda rendeu ports para outros sistemas, como o FM Towns Marty (1992), Super Famicom (16 de julho de 1993) e o Sharp X68000 (em 30 de outubro de 1992).

Enredo

Oito criaturas mitológicas: Lutador, Amazona, Hércules, Lobisomem, Minotauro, Golem, Fera e Dragão, vão se enfrentar em uma disputa onde o vencedor vai tomar para si um reino a muito esquecido. Eles utilizarão o melhor estilo da luta livre para conquistar tal honra.

Vídeo

Acima, temos o Mutant Fighter (1992) sendo defenestrado em mais um vídeo do Fliperama Nostálgico, a série de vídeos sobre games de arcades antigos do canal Defenestrando Jogos. O vídeo é narrado e bem descontraído, mas não tem bobajada, e sim muitas informações e curiosidades, dados quais usamos para construir este post.

Gameplay

Mutant Fighter é um game de luta um contra um no estilo luta livre, como já dissemos. Com exceção de Hercules, os personagens jogáveis não têm nomes, mas representam uma classe guerreira (Fighter e Amazona) ou são seres mitológicos populares (Minotauro, Besta, Dragão e Golem). As batalhas ocorrem em uma arena quadrada em vez das telas horizontais usuais, onde os lutadores se movimentam em 8 direções. Golpes de luta livre como pilão, suplexes e outros, são amplamente utilizados. Além disso, existe o especial que pode ser acumulado e depois desencadeado como ataques poderosos.

O jogo tem dois modos: single player, no qual o jogador seleciona um lutador e compete contra adversários controlados por computador em uma ordem definida; e o modo de dois jogadores, onde ambos os jogadores podem escolher seus personagens. Depois das primeiras seis lutas, vão acontecer mais três batalhas contra três oponentes controlados pelo computador: o Doppleganger, o Demônio (Pazuzu) [3] e, finalmente, o Arquimago (Archmage).

No modo multiplayer, os jogadores podem escolher até personagens iguais e selecionar uma das seis arenas onde eles irão lutar, cada uma de um tipo diferente: Normal, Spiked Balls, Piston Rods, Spiked Walls, Ring e Heatboard. Cada luta é definida no sistema melhor de três e, quando a partida acaba, o jogo termina.

Screenshots

Curiosidades

  1. A atuação de voz do jogo foi gravada no estúdio Orio Sound em San Jose, California;
  2. Mutant Fighter compartilha algumas similaridades com outro título da Data East, o Vapor Trail.
  3. Pazuzu é também o nome do demônio do filme Exorcista, uma divindade pagã de uma crença antiga que existiu na antiga Mesopotâmia.

Dragon Breed

28 de junho de 2018
Dragon Breed

Dragon Breed (ドラゴンブリード ) é um jogo de tiro estilo shoot ’em up com rolagem horizontal desenvolvido e lançado pela Irem em junho de 1989. Ele saiu primeiro para os fliperamas, rodando nos hardwares M72 e M81, sendo posteriormente portado para vários computadores pessoais em 1990 pela Activision: Commodore Amiga (1989), Atari ST (1989), Amstrad CPC (1989), Commodore C64 (1991), Sinclair ZX Spectrum (1991) e Amstrad CPC (1991).

Dragon Breed é um título relativamente obscuro, porém de grande qualidade que acabou inovando na fórmula que consagrou o R-Type, também da Irem, com interessantes novidades nos gráficos e no gameplay. Inclusive, eu achei que os controles respondem muito bem, o que acaba somando para o jogo ser realmente muito agradável.

Screenshots

Enredo

Kayus tornou-se Rei do Império Agamen quando tinha apenas 15 anos de idade. Aqueles que estavam insatisfeitos com a sua entronização conspiraram para quebrar o selo que confina o Rei das Trevas, Zambaquous, e assim tomar o reino com o poder negro desta criatura. Assim, o vento estava cheio de miasma e o chão apodrecia, gradualmente se transformando em escuridão. O jovem Rei Kayus parte então, junto com o dragão da luz, Bahamoot, para impedir que as trevas voltem a prevalecer e destruam o Reino.

Vídeo

O vídeo acima mostra o inovador shmup sendo defenestrado pelo Celso Affini em mais um bom episódio do Fliperama Nostálgico. É bem legal, descontraído e compartilha algumas das informações que usamos para montar este post.

Gameplay

Como dissemos, o Dragon Breed é um excelente side scrolling shoot ’em up com jogabilidade similar à do clássico R-Type. Dragon Breed difere de outros jogos do gênero principalmente por causa do dragão, uma figura totalmente articulada e com movimentos soberbos, enquanto a maioria dos games da época eram protagonizados por navinhas. O dragão é invulnerável ao fogo e contato inimigo, podendo ser usado tanto como um escudo como uma arma, pois ele protege o jogador e ataca com o corpo e com bolas de fogo que ele cospe.

O jogador deve controlar o dragão de tal forma que o seu corpo possa ser usado para cercar Kayus e protegê-lo de seus inimigos. Qualquer contato do corpo com o inimigo vai esgotar o poder deste, eventualmente matando-o. O dragão também pode ter seu poder aumentado de uma forma semelhante as naves espaciais de outros shmups. Além disto, segurando o botão de tiro, pode-se carregar e aumentar a força das bolas de fogo que o Dragão cospe.

O Rei Kayus, entretanto, não é invulnerável, e vai perder uma vida toda vez que for atingido pelos inimigos ou colidir com eles. Ele atira com uma besta e pode desmontar do dragão para recolher power-ups que aparecem em vários pontos ao longo de um estágio, pequenas áreas de terra que aparecem na parte inferior da tela.

Power-ups

Os power-ups vem em formas de orbes que aparecem ao atirar em pequenos dragões verdes que aparecem intermitentemente entre as fases, ou, como dito acima, no chão. Existem quatro tipos diferentes de orbes, cada uma podendo mudar Bahamoot para uma cor diferente, dando a ele um novo poder de ataque:

  • Vermelha: o dragão respira uma chama de fogo que fica maior se mais power-ups forem coletados;
  • Dourada: o corpo do dragão começa a disparar crescentes de fogo em todas as direções;
  • Branca: o dragão dispara até quatro dragões em miniatura que voam ao encontro dos inimigos.
  • Azul: o dragão dispara raios de eletricidade pra baixo do seu corpo.

Dicas e trapaças do Marvel Super Heroes

27 de junho de 2018
Dicas e trapaças do Marvel Super Heroes

Estamos adicionando e arquivando aqui todas as dicas e trapaças do Marvel Super Heroes que conseguimos achar e testar. Este jogo de luta da Capcom é muito bom e foi um marco no gênero, visto que deu início a uma das franquias mais maneiras e populares, Marvel vs. Capcom!

Note que o Marvel Super Heroes tem versões de fliperama, Saturn, PlayStation, PlayStation 3 e XBox One e, portanto, não garantimos que todos estes truques funcionam em todas as plataformas. Também, na medida em que formos aprendendo ou descobrindo mais dicas deste jogo, vamos atualizando aqui, firmeza?

Como jogar como Anita, Dr. Doom e Thanos no fliperama

Atenção: esta manha só funciona na versão japonesa de arcade do Marvel Super Heroes.

Primeiro, configure o jogo para free play. O ruim é que o menu do game também está em japonês (veja neste vídeo o procedimento). Uma vez feito isso, pressione a tecla de inserir ficha e, sem soltá-la, pressione START para abrir a tela de seleção de personagens. Daí, entre com a sequência desejada o personagem que você quer:

  • Anita: soco médio, soco fraco, esquerda, chute fraco, chute médio.
  • Dr. Doom: chute médio, soco fraco, baixo, chute fraco e soco médio.
  • Thanos: chute baixo, chute forte, soco médio, soco médio e cima.

Existem outras fontes ensinando outros procedimentos, mas este foi o único que deu certo aqui. Se você estiver jogando no emulador tipo MAME ou WinKawaks é mais fácil, pois você pode usar os cheats direto no menu e um deles escolhe o personagem que você quiser.

Poderes de cada Gema do Infinito

  • Time: Aumenta velocidade;
  • Power: Duplica o poder de ataque;
  • Space: Aumenta a resistência a golpes;
  • Reality: Faz com que o personagem dispare projeteis, dependendo do botão pressionado;
  • Mind: Aumenta a barra de especial;
  • Soul: Aumenta a barra de life.

Cada gema funciona melhor com um personagem especifico

  • Iron ManSoul Gem: Torna os golpes eletrificados;
  • MagnetoSpace Gem: Forma um escudo impenetrável;
  • Spider ManPower Gem: Faz surgir um clone do personagem;
  • JuggernautSpace Gem: Torna o personagem invulnerável;
  • Captain AmericaPower Gem: Faz com que o personagem acerte múltiplos hits;
  • Black HeartReality Gem: O torna invisível;
  • HulkTime Gem: Faz cada golpe acertar 2 vezes;
  • Shuma GoratSoul Gem: Petrifica o inimigo;
  • WolverinePower Gem: Faz com que o personagem acerte múltiplos hits;
  • PsylockePower Gem: Cria diversos clones que iludem o inimigo;
  • Dr. Doom: Nenhuma joia em específico;
  • Thanos: Nenhuma joia em específico.

Chutar cachorro morto

Como no X-Men: Children of the Atom, dá para bater no oponente depois que ele for derrotado no Marvel Super Heroes. Basta você pressionar START quando estiver contando os pontos e tal. Só consegui fazer isto depois de vencer a luta e não apenas 1 round.

Escolher cor alternativa do lutador

Na tela de seleção de personagem, mova o lutador desejado e segure para cima (se estiver na linha superior) ou para baixo (se estiver na linha inferior). Sem soltar o direcional, após 3 segundos, pressione qualquer botão de soco ou chute para selecionar o personagem.

P.S.: Só testamos esta dica na versão de fliperama do Marvel Super Heroes.

Saiba mais

Página 5 de 317« Primeira...23456789...20...Última »
  • Assine a nossa newsletter!

  • Nos siga nas redes sociais!

  • Páginas

  • Áreas especiais

  • Categorias

  • Parceiros

  • eXTReMe Tracker
    Copyright © 2001 - 2018 Gaming Room. Todos os Direitos Reservados - É expressamente proibida a reprodução total ou parcial deste site sem o consentimento dos autores.